The Holy See
back up
Search
riga
CARTA DO PAPA BENTO XVI
AO PATRIARCA DA IGREJA DE ANTIOQUIA
DOS SÍRIOS CATÓLICOS SUA BEATITUDE
 IGNACE PIERRE VIII ABDEL-AHAD 

 

A Sua Beatitude
Ignace Pierre VIII ABDEL-AHAD
Patriarca da Igreja de Antioquia
dos Sírios Católicos

Dirijo-me a Vossa Beatitude, para lhe apresentar as minhas saudações mais calorosas no Senhor e para lhe agradecer de coração o acolhimento que reservou ao meu enviado pessoal, Senhor Cardeal Roger Etchegaray, que foi a Jerusalém para uma reflexão fraterna sobre a situação actual da amada Igreja sírio-católica de Antioquia.

Ele informou-me do encontro que teve com Vossa Beatitude. Ele sentiu-se edificado com a sua amabilidade e com as considerações serenas, com o vivo sentido de responsabilidade que manifestou, a fim de favorecer o regresso à plena unidade no Sínodo patriarcal e a prática frutuosa do cuidado pastoral para o bem dos filhos e das filhas da Igreja sírio-católica, na mãe-pátria e na diáspora.

O Cardeal entregou-me em seguida a carta com a qual Vossa Beatitude, após uma reflexão certamente maturada numa oração prolongada diante do Senhor, apresentava a sua demissão do cargo patriarcal.

Venerável Irmão, aprecio este gesto de amor eclesial, preocupado acima de tudo com o progresso espiritual dos fiéis, graças à concórdia episcopal, e vejo nele uma admirável confirmação do vosso zelo apostólico. Neste momento particular da vossa vida, gostaria de reconhecer vivamente com profunda gratidão todo o bem que realizastes durante os seus anos como Patriarca e no serviço eclesial que desempenhou com devotamento e generosidade ao longo da sua vida.

Na solicitude que o Senhor pediu a Pedro e aos seus Sucessores, depois de uma oração e de uma reflexão atentas, depois de ter ouvido o parecer dos meus colaboradores, considerei dever aceitar a sua demissão por motivos altamente pastorais que o inspiraram.

Desejo informá-lo de que, considerando bem, acedendo a determinadas exigências emitidas pelo Sínodo extraordinário convocado no Vaticano de 26 a 28 de Abril de 2007, decidi que o governo da Igreja sírio-católica será confiado, por um período conveniente que precede a eleição do seu Sucessor, a uma Comissão episcopal composta por três membros, D. Théophile Georges Kassab, Arcebispo de Homs, Hama et Nabk dos Sírios, D. Athanase Matti Shaba Matoka, Arcebispo de Bagdad dos Sírios e D. Gregorios Elias Tabé, Arcebispo de Damasco dos Sírios. Esta Comissão terá todas as faculdades que pertencem ao Patriarca e ao Sínodo permanente, segundo as Normas do Código dos Cânones das Igrejas Orientais, e será presidido com alternância de papéis por todos os seus membros. D. Théophile Georges Kassab receberá o mandato do governo da Eparquia patriarcal.

Estou certo de que Vossa Beatitude continuará a vigiar como Patriarca emérito sobre a amada Igreja de Antioquia dos Sírios, oferecendo o dom precioso da oração, dos conselhos ponderados e do sacrifício do coração, assim como das provas que a Divina Providência, com as alegrias, não deixa de dispensar aos pastores bons.

Por meu lado, garanto-lhe a minha cordial fraternidade em Cristo, na comunhão com toda a Igreja católica.

Venerável Irmão, rezo ao Senhor para que lhe conceda abundantemente a serenidade, a saúde e uma confiança sempre maior na sua santa vontade. Ao renovar a Vossa Beatitude todo o meu reconhecimento e a minha cordial estima, invoco sobre os Pastores e sobre os fiéis da Igreja de Antioquia dos sírios católicos a protecção amorosa da Santíssima Mãe de Deus e de coração concedo a todos a Bênção Apostólica.

Vaticano, 25 de Janeiro de 2008.

BENEDICTUS PP. XVI

 

© Copyright 2008 - Libreria Editrice Vaticana

 

top