The Holy See
back up
Search
riga

SAUDAÇÃO DO PAPA BENTO XVI
DURANTE O ENCONTRO
COM OS PADRES SINODAIS

Sábado, 22 de Outubro de 2005

 

Caros Irmãos no Episcopado
e no Sacerdócio,
Irmãos e Irmãs

Com este almoço solene chegamos, praticamente, ao ponto do "Ite, Missa est" do nosso Sínodo, embora celebraremos amanhã a conclusão verdadeira com a Sagrada Eucaristia. Num certo sentido, terminamos aqui o nosso estar juntos, o nosso debate, os nossos momentos convivais.

No uso pré-cristão da expressão, "Ite, Missa est" era somente uma fórmula para dizer: "a assembleia chegou ao fim". A Liturgia romana escolheu esta expressão tão sóbria para dizer: "agora esta nossa assembleia acabou". Contudo, pouco a pouco ela encontrou um significado mais profundo. Na Roma Antiga queria dizer: "chegou ao fim". "Missa" significava "demissão". Agora não é mais "demissão" mas "missão", porque esta assembleia não é uma assembleia técnica, burocrática, mas um encontro com o Senhor que toca os nossos corações e nos dá uma vida nova.

Assim também nós, após este Sínodo, regressamos a casa não somente com muito papel impresso não obstante precioso mas sobretudo com um amor renovado e mais profundo pelo Senhor, pela sua Igreja, e neste sentido também com um novo compromisso a assumir, a fim de que a missão do Senhor seja realizada e o Evangelho chegue a todos.

Mas, neste momento convém não só falar destas coisas elevadas, que são o coração do nosso estar juntos, mas também exprimir alegria e gratidão pelas coisas deste mundo, por assim dizer. O Senhor não teria escolhido a imagem do banquete para prefigurar o Céu, se não tivesse aprovado também a beleza de um almoço, estar juntos, comer em companhia, a alegria também das coisas deste mundo, que foram criadas por Ele. Dessa maneira, agradeço a todos os que organizaram este almoço, aos que o serviram, prepararam. Parece-me que, em nome de todos, posso afirmar que era um almoço realmente digno deste Sínodo!

Renovo o meu agradecimento a todos, começando pelos Presidentes Delegados, Relatores, Secretário-Geral, todos os Padres que contribuíram com o Sínodo, até àqueles que trabalharam nos bastidores. Um grande obrigado a todos! Levamos connosco, no nosso coração, esta gratidão, também por esta experiência de fraternidade.

Volto mais uma vez ao "Ite, Missa est". Muitas traduções modernas acrescentaram a esta sóbria expressão do rito romano a palavra de conclusão do rito bizantino: "Ide em paz". Faço minhas estas palavras neste momento. Caros Irmãos e Irmãs, ide em paz! Estamos cientes de que esta paz de Cristo não é uma paz estática, somente uma espécie de repouso, mas é uma paz dinâmica que quer transformar o mundo para que seja um mundo de paz animado pela presença do Criador e Redentor. Neste sentido, com um grande obrigado, digo: vamos em paz!

 

© Copyright 2005 - Libreria Editrice Vaticana

top