The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA BENTO XVI
À ASSEMBLEIA PLENÁRIA EM VISTA
DO 49º CONGRESSO EUCARÍSTICO INTERNACIONAL
(QUEBEQUE, JUNHO DE 2008)

Quinta-feira, 9 de Novembro de 2006

Senhores Cardeais
Venerados irmãos
no Episcopado e no Sacerdócio
Queridos irmãos e irmãs

É com muito prazer que recebo a vossa visita e saúdo todos vós com afecto. Em primeiro lugar, saúdo o Cardeal Jozef Tomko, a quem estou grato por se ter feito intérprete dos sentimentos de todos e por me ter informado acerca da realização da vossa Assembleia Plenária destes dias. Uma cordial saudação aos membros da Pontifícia Comissão para os Congressos Eucarísticos Internacionais e aos Delegados Nacionais, que participaram neste encontro para preparar em conjunto o 49º Congresso Eucarístico Internacional, programado para se realizar em Quebeque em Junho de 2008. Além disso, saúdo os representantes da Comissão preparatória local deste grandioso acontecimento eclesial, assim como o pequeno mas significativo grupo dos Adoradores da Eucaristia.

Vós vindes de diversas regiões do mundo, e a finalidade da vossa reunião consiste em preparar uma celebração importante como nunca para a Igreja inteira, que é exactamente o Congresso Eucarístico Internacional. Como o Cardeal Jozef Tomko acabou de recordar, ele constitui uma resposta unânime do Povo de Deus ao amor do Senhor, sumamente manifestado no Mistério eucarístico. É verdade! Os Congressos Eucarísticos, que se realizam cada vez em diferentes lugares e continentes, são sempre um manancial de renovação espiritual, ocasião para fazer conhecer melhor a Santíssima Eucaristia, o tesouro mais precioso que nos foi legado por Jesus; eles constituem também um encorajamento para a Igreja a difundir em todos os âmbitos da sociedade e testemunhar o amor de Cristo, sem hesitação. De resto, desde que foi instituída, esta é a finalidade que a vossa benemérita Pontifícia Comissão se propõe: "Fazer conhecer, amar e servir sempre nosso Senhor Jesus Cristo no seu Mistério eucarístico, centro da vida da Igreja e da sua missão para a salvação do mundo".

Por conseguinte, cada um destes Congressos Eucarísticos representa uma providencial oportunidade para mostrar à humanidade, de maneira solene, "a Eucaristia, dom de Deus para a vida do mundo", como afirma o texto-base do próximo Congresso. Este documento foi apresentado durante os vossos trabalhos pelo Cardeal Marc Ouellet, Arcebispo de Quebeque, a quem dirijo uma especial saudação. Não só quantos têm a possibilidade de participar pessoalmente, mas também as várias comunidades cristãs que são convidadas a unir-se idealmente, poderão beneficiar das graças especiais que o Senhor dispensará no Congresso Eucarístico Internacional. Naqueles dias, o mundo católico terá os olhos fixos no sumo mistério da Eucaristia para dele receber renovado impulso apostólico e missionário.

Eis por que motivo é importante preparar-se bem, e eu agradeço-vos queridos irmãos e irmãs, o trabalho que estais a levar a cabo para ajudar os fiéis de todos os continentes a compreenderem cada vez mais o valor e a importância da Eucaristia da nossa vida. Além disso, a presença entre vós de alguns representantes dos Adoradores da Eucaristia e a alusão que Vossa Eminência, Senhor Cardeal Tomko, fez à "Federación Mundial de la Adoración Nocturna", permitem-me recordar como é profícua a redescoberta da adoração eucarística por parte de numerosos cristãos.

A este propósito, apraz-me voltar com a memória à experiência vivida no ano passado com os jovens em Colónia, por ocasião da Jornada Mundial da Juventude, e na Praça de São Pedro com as crianças da primeira Comunhão, acompanhados pelas famílias e pelos catequistas. Quanta necessidade tem a humanidade contemporânea de voltar a descobrir no Sacramento eucarístico a fonte da própria esperança! Dou graças ao Senhor porque muitas paróquias, juntamente com a devota celebração da Santa Missa, continuam a educar os fiéis para a adoração eucarística, e formulo votos a fim de que, também em vista do próximo Congresso Eucarístico Internacional, esta prática se difunda cada vez mais.

Estimados irmãos e irmãs, como se sabe, a próxima Exortação pós-sinodal será dedicada à Eucaristia. Ela reunirá as indicações evidenciadas pelo último Sínodo dos Bispos, dedicado precisamente ao Mistério eucarístico, e estou persuadido de que também este documento ajudará a Igreja a preparar e a celebrar com participação interior o Congresso Eucarístico, que se realizará no mês de Junho de 2008. Confio-o desde agora à Virgem Maria, primeira e incomparável adoradora de Cristo eucarístico. Nossa Senhora proteja e acompanhe cada um de vós e as vossas comunidades, tornando fecundo o trabalho que estais a realizar em vista deste importante acontecimento eclesial de Quebeque. Quanto a mim, asseguro-vos a minha lembrança na oração e abençoo-vos todos de coração.

 

© Copyright 2006 - Libreria Editrice Vaticana

top