The Holy See
back up
Search
riga
DISCURSO DO PAPA BENTO XVI
AOS JOVENS DA ACÇÃO CATÓLICA ITALIANA

Sala do Consistório
Sábado, 20 de Dezembro de 2008

Caros jovens da A.C.I.

Estou muito contente que também este ano, com a aproximação do santo Natal, viestes alegrar com a vossa presença estes palácios solenes, nos quais aliás existe sempre a alegria de servir o Senhor. Juntamente convosco saúdo os vossos educadores, o Presidente da Acção Católica Italiana, o Assistente-geral e o vosso novo Assistente nacional, Pe. Dino.

Tantos dizem que os jovens são caprichosos, que nunca se contentam, que consomem os jogos uns atrás dos outros sem nunca estar satisfeitos. Vós, ao contrário, a Jesus dizeis: bastas Tu! Que significa: Tu és o nosso melhor amigo, que nos faz companhia quando jogamos e quando vamos para a escola, quando estamos em casa com os nossos pais, avós, irmãos e irmãs e quando saímos com os amigos. Tu abres-nos os olhos para que nos apercebamos dos nossos companheiros tristes e das tantas crianças no mundo que sofrem devido à fome, às doenças e à guerra. Bastas Tu, Senhor Jesus, Tu dás-nos a verdadeira alegria, aquela que não acaba como os nossos jogos, mas chega ao coração e nos torna bons. Bastas Tu sobretudo quando te pedimos, porque Tu ouves sempre as nossas orações, que fazemos para que o mundo se torne mais bonito e bom para todos. Bastas Tu, porque nos perdoas quando fazemos algum disparate; bastas Tu, porque se nos perdemos, vens à nossa procura e levas-nos ao colo como fizeste com a ovelhinha que se perdeu. Bastas Tu porque tens uma Mãe muito bonita que, antes que morresses na cruz, também se quis tornar nossa Mãe.

Queridos pequenos amigos, desejais ajudar os vossos companheiros a estar com Jesus? Um jovem da A.C.I., quando vai ter com Jesus, ama levar consigo também um amigo, porque quer que o conheça; não pensa só em si mesmo, mas tem o coração grande e atento aos outros. Vós tendes tantos educadores que vos ajudam a viver juntos, a rezar e a crescer no conhecimento do Evangelho. A Acção Católica tem como verdadeiro objectivo ajudar-vos a tornar-vos santos; por isso ajuda-vos a encontrar Jesus, a amar a sua Igreja e a interessar-vos pelos problemas do mundo. Não é por acaso verdade que vos estais a empenhar pelas crianças e jovens mais desventurados que vós? Por acaso não é verdade que com o "mês da paz", podeis fazer apreciar a paz também a tantos adultos, porque sabeis viver em paz entre vós?

Sim, queridos jovens, vós podeis rezar ao Senhor para que mude o coração dos construtores de armas, que torne sensatos os terroristas, converta o coração de quem pensa sempre na guerra e ajude a humanidade a construir um futuro melhor para todas as crianças do mundo. Estou certo de que também vós rezais por mim, ajudando-me assim na difícil tarefa que o Senhor me confiou. Quanto a mim, asseguro-vos o meu afecto, a minha oração, enquanto de boa vontade vos abençoo juntamente com todas as pessoas que vos são queridas. Bom Natal a vós, às vossas famílias e a todos os jovens da Acção Católica!

© Copyright 2008 - Libreria Editrice Vaticana

top