The Holy See
back up
Search
riga

PAPA JOÃO PAULO II

ANGELUS

Domingo, 12 de Novembro de 1978

 

Queridos Irmãos e Irmãs

O dia de hoje tem para mim significado especial. Hoje, de facto, tomando posse da Basílica de São João de Latrão, disponho-me a ocupar, seguindo os meus Veneráveis Predecessores, a Cátedra de Bispo da Diocese de Roma.

Preparei-me para este acto por meio do encontro com o Cardeal Ugo Poletti, com Monsenhor Vice-Gerente e com os Bispos Auxiliares, que me expuseram o conjunto das actividades pastorais diocesanas e a sua organização. De especial importância, nesta preparação, foi para mim o encontro com o Clero Romano, realizado a 9 de Novembro, precisamente na festa da Dedicação da Basílica Lateranense e, no dia seguinte, o encontro com as Religiosas, de que é particularmente rica a Diocese de Roma.

A cerimónia no Latrão terá lugar hoje às 17 horas.

Desejo desde já, vendo-vos tão numerosos na Praça de São Pedro para o habitual Angelus do meio-dia, endereçar a minha cordialíssima saudação a Roma, a todos os Romanos, que agora são diocesanos do novo Papa.

Saúdo as Famílias: os Pais e os seus Filhos.

Saúdo os Jovens. Saúdo todos os Doentes, e em particular aqueles que estão internados nos numerosos hospitais e clínicas da nossa Cidade. Juntamente com eles saúdo os Médicos, todos os empregados nos Serviços Sanitários, os Capelães e as Irmãs. Saúdo todas as pessoas anciãs e aqueles que sofrem na solidão.

Saúdo todas as Escolas, os Ateneus de Roma e, de modo especial, as Universidades Pontifícias, Professores e Estudantes.

Além disso, dirijo urna saudação cordial a todas as Paróquias de Roma, a cada uma por si e a todas juntas.

Nestes dias reparei que muitos jornais traziam a notícia de que, depois da minha eleição ao Pontificado, diversas pessoas, sobretudo jornalistas, foram visitar a Paróquia de que provenho, Wadowice, na Arquidiocese de Cracóvia. Ao actual Pároco, que em tempos foi também meu professor de religião na Escola Média, foi repetidamente pedido que mostrasse o registo dos Baptizados de 1920, onde está escrito o meu nome e estão indicadas as anotações a respeito da minha Ordenação, da minha Consagração Episcopal, a chamada a fazer parte do Colégio dos Cardeais e, por último, aquilo que aconteceu a 16 de Outubro deste ano.

Com o pensamento comovido, regressei à minha paróquia natal. Recorda-me que qualquer Paróquia é a comunidade fundamental do Povo de Deus, em que está Cristo presente por meio do Bispo e dos sacerdotes que trabalham em sua vez.

Assim, hoje, penso também, com grande comoção, em cada Paróquia de Roma. Penso em todas estas comunidades, células vivas da Igreja desta Diocese, que o Senhor me confiou de modo tão admirável.

Pondo os pés no limiar da Basílica Lateranense, ponho-os ao mesmo tempo no limiar de cada Paróquia, nos limiares de todas as Paróquias, que em Roma chegam ao número de 296.

Neste dia tão solene e tão importante para o novo Bispo de Roma, abraço a todos com o pensamento e o coração, e encomendo-me aos vossos pensamentos e aos vossos corações. Encomendo-me sobretudo às vossas orações.

Rezemos o Angelus, recordando em especial os Bispos de Roma falecidos.


Depois do Angelus

Aos membros da Confederação Nacional dos Cultivadores Directos do Lácio

Sei que estão presentes esta manhã os membros da Confederação Nacional dos Cultivadores Directos do Lácio, que celebram hoje o "Dia da Acção de graças". Desejo dirigir-lhes uma palavra de saudação e de aplauso. É justo dar graças a Deus. Sempre é justo, mas é-o em especial no fim dum ano agrícola, em que se pode experimentar uma vez mais a bondade de Deus na abundância dos frutos da terra.

O pasmo admirativo e o reconhecimento alegre são atitudes espontâneas na alma de quem é capaz de subir, por meio dos bens materiais, ao Criador generoso de todas as coisas. Dir-vos-ei portanto com São Paulo: "Andai sempre alegres, orai sem cessar e, em todas as circunstâncias, dai graças" (1 Tess. 5, 16-18).

Aos Membros do Movimento Cristão dos Trabalhadores

Saúdo, depois, os membros do Movimento Cristão dos Trabalhadores, reunidos estes dias em Roma para o seu Conselho Nacional. Dar testemunho de Cristo no mundo do trabalho: eis o vosso compromisso e o vosso programa.

Sustente-vos e acompanhe-vos a minha bênção.

 

© Copyright 1978 - Libreria Editrice Vaticana

 

top