The Holy See
back up
Search
riga

PAPA JOÃO PAULO II

ANGELUS

Domingo, 26 de Julho de 1981

 

Também neste domingo o Papa se dirigiu mediante a Rádio Vaticano, aos fiéis e peregrinos reunidos na Praça de São Pedro para a oração do meio-dia. Foram estas as Suas palavras:

1. Quando nos reunimos, neste dia, para a nossa comum oração do Angelus Domini, não podemos esquecer que este é também o dia em que a Igreja recorda os santos Joaquim e Ana, pais de Maria de Nazaré. E por isso o primeiro sentimento que reaviva os nossos corações quer ser de gratidão para com aqueles que deram a vida à Mãe de Deus.

Acrescentamos que Santa Ana goza particular veneração no âmbito da Cidade do Vaticano, pois que a Ela é dedicada a paróquia que se encontra no interior dos seus muros.

2. A leitura do Evangelizo da liturgia de hoje recorda-nos de novo (assim como o domingo passado) uma das parábolas sobre o Reino de Deus:

"O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo, que um homem encontra, mas torna a esconder. Cheio de alegria, vai, vende tudo o que possui, e compra o campo.

O reino dos céus é também semelhante a um negociante que busca boas pérolas. Tendo encontrado uma pérola de grande valor, vende tudo quanto possui e compra a pérola" (Mt 13, 44-46).

Assim, portanto, à semelhança de um tesouro ou de uma pérola de grande valor, o Reino de Deus — o reino dos céus — foi escondido naquela Casa de Nazaré em que Maria, filha de Joaquim e de Ana, se preparava para o momento da Anunciação.

3. E nós, quando meditamos aquele momento da Anunciação na oração do Angelus Domini, pedimos por que o Reino de Deus — o Reino dos céus esteja de igual modo escondido nos nossos corações, nas nossas famílias, em todo o campo da nossa vida. Pedimos também pelos nossos irmãos e irmãs, a fim de que não desperdicem este tesouro, esta pérola de grande valor; não a percam por nenhum motivo, pois: "que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro se, depois, perde a sua alma?". (Mt 16, 26).

Caríssimos! "Procurai primeiro o Seu reino..." (Mt 6, 33).

4. Desejo ainda — na presente circunstância — agradecer a Cristo Senhor, porque o Congresso Eucarístico em Lourdes, concluído quinta-feira passada, certamente contribuiu para o fortalecimento do Reino de Deus nas almas de muitos.

5. Refiro-me agora à Itália, sempre tão cara ao meu coração: enquanto participo intensamente na alegria dos familiares pela libertação das pessoas, pelas quais nos preocupámos nestas semanas, convido-vos a rezar por que também as outras, que continuam ainda segredadas pela violência, possam finalmente retornar às próprias casas.

6. E ao dirigir o pensamento para a situação internacional, peço também por todos os lugares, onde destruições, lutos e sofrimentos perturbam a pacífica convivência das populações, particularmente pelo dilecto Líbano, tão duramente provado.

7. Enfim, desejo repetir as palavras de Cristo a todos — também àqueles aos quais estas palavras parecem longínquas e estranhas: Procurai o Reino de Deus!

Procurai o Reino de Deus — e a Sua justiça!

"Procurai o Reino de Deus e a Sua justiça — e tudo o mais se vos dará por acréscimo" (Mt 6, 33).

 

© Copyright 1981 - Libreria Editrice Vaticana

 

top