The Holy See
back up
Search
riga

 JOÃO PAULO II

ANGELUS

14 de Junho de 1998

 

Caríssimos Irmãos e Irmãs!

1. Celebra-se hoje em muitos Países, entre os quais a Itália, a solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo ou, segundo a mais conhecida expressão latina, de Corpus Domini.

Todos os Domingos a Comunidade eclesial se reúne em redor da Eucaristia, sacramento do Sacrifício redentor de Cristo, instituído na Última Ceia. Mas a devoção do povo cristão por este Mistério central da fé sentiu a necessidade de dar vida, há cerca de sete séculos, a uma festa específica, na qual fosse possível manifestar em plenitude o culto de adoração ao Corpo e Sangue do Senhor, fonte e auge da vida da Igreja.

Expressão privilegiada e tradicional da piedade eucarística popular são as procissões com o Santíssimo Sacramento, que na solenidade de hoje se fazem nas Igrejas locais, em todas as partes da terra. Elas constituem um sinal mais eloquente do que nunca do facto que o Senhor Jesus, morto e ressuscitado, continua a percorrer os caminhos do mundo e com a sua presença itinerante guia os passos das gerações cristãs: alimenta a fé, a esperança e o amor; conforta nas provações; sustenta o empenho pela justiça e pela paz.

2. Como não rejubilar, neste dia, com a admirável solidariedade de Deus com a humanidade? Na Eucaristia Jesus, como fez com os discípulos de Emaús, põe-se lado a lado connosco, peregrinos na história, nas cidades e nas aldeias, no Norte e no Sul do mundo, nos Países de tradição cristã e naqueles de primeira evangelização.

Cristo difunde em toda a parte a mesma mensagem: «Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei», e na Eucaristia oferece-Se a Si mesmo como força espiritual, a fim de pôr em prática o Seu mandamento e construir a civilização do amor.

Apraz-me pensar hoje no itinerário rumo ao Jubileu do Ano 2000 como uma grande procissão de Corpus Domini, que culminará no Congresso Eucarístico Mundial, previsto em Roma no mês de Junho do Ano Santo. Por conseguinte, exorto todos os fiéis, e em primeiro lugar os ministros sagrados, a tornar cada vez mais forte o vínculo espiritual com a Eucaristia, na qual está presente e operante todo o poder salvífico do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

3. A primeira procissão de Corpus Domini, num certo sentido, foi Maria que a fez quando, de Nazar é, se dirigiu a casa de sua prima Isabel levando no seio Jesus, há pouco concebido. Contemplando este ícone evangélico, oxalá a Igreja apresse os seus passos ao encontro do homem contemporâneo e lhe anuncie com renovado amor a Boa Nova da salvação.


Depois do Angelus

Amanhã terá início em Roma a Conferência convocada pela O.N.U. para a instituição de um Tribunal Penal Internacional, destinado a julgar os crimes mais graves que ofendem a humanidade. Faço votos por que os trabalhos desta importante reunião se inspirem no desejo de tutelar adequadamente os direitos humanos fundamentais e inalienáveis. Ao garantir a contribuição activa da Santa Sé nos trabalhos desta importante Conferência, formulo sentidos votos a todos os participantes para que ela constitua um momento histórico no caminho da mútua compreensão entre os povos.

   

 

© Copyright 1998 - Libreria Editrice Vaticana

 

top