The Holy See
back up
Search
riga

JOÃO PAULO II

ANGELUS

Domingo, 15 de Março de 1998

 

 

Caríssimos Irmãos e Irmãs!

1. Concluiu-se há pouco a solene celebração durante a qual tive a alegria de proclamar três novos Beatos. Saúdo com afecto todos os peregrinos que vieram de várias Nações para honrar estes arautos da fé, que hoje contemplamos na glória de Deus. 

Demos graças ao Senhor pelo maravilhoso testemunho prestado ao Evangelho por estes nossos irmãos, que são propostos, a partir de hoje, ao culto e à imitação do povo cristão. Durante a sua vida foi intenso e constante o recurso à materna intercessão de Maria, da qual se declararam sempre filhos devotos e confiantes.

2. Brígida Morello encontrou na Imaculada Mãe de Deus a inspiração e o sustento para a sua obra de formação cristã e de promoção das mulheres, de evangelização e de busca da unidade da Igreja. 

Para a sua obra educativa, a Madre Maria do Carmo inspirou-se em Maria, criatura perfeita, porque cheia de graça, absolutamente livre do mal. Por este motivo fundou o Instituto das Concepcionistas Missionárias do Ensino, actualmente difundidas em doze Países do mundo.

E o Beato Vicente Eugénio Bossilkov, religioso Passionista, Bispo e mártir, respirou em toda a sua existência uma humilde e dócil dedicação à Mãe do Senhor. Em momentos de dura prova, ressaltando a bondade e a imensa capacidade de sofrer de Maria, escrevia: «Deveras não é possível permanecer in- diferentes perante tanta ternura e pureza da Virgem, perante tanto amor e abnegação da Mãe, e tanta paciência e resignação da mulher do sofrimento!» (Exercícios espirituais, p. 52).

As palavras e a vida dos três Beatos confirmam mais uma vez que, onde quer que o homem e a mulher percorram o caminho da santidade, Maria está presente, para repetir o convite pronunciado um dia nas Bodas de Caná: «Fazei o que Ele vos disser» (Jo 2, 5).

Que os novos Beatos nos ajudem a aceitar esta exortação, sobretudo no tempo de Quaresma que estamos a viver, período favorável para a renovação do coração e da vida. 

Saudação

Envio uma particular saudação ao numeroso grupo de padres, religiosos e leigos brasileiros aqui presentes. Que a vossa peregrinação quaresmal pelas Basílicas romanas reavive a fé em Cristo Jesus, que por amor nos redimiu e nos chamou a ser filhos de Deus e a viver como irmãos na justiça e na paz. A todos, de coração, dou a minha bênção, que faço extensiva aos vossos familiares e pessoas amigas.

 

  

© Copyright 1998 - Libreria Editrice Vaticana

 

top