The Holy See
back up
Search
riga

JOÃO PAULO II

ANGELUS

Domingo, 27 de Agosto de 2000
Castel Gandolfo

 

Caríssimos Irmãos e Irmãs!

1. Não esmoreceu na opinião pública o eco da Jornada Mundial da Juventude. Durante vários dias em Roma pulsou o coração dos jovens, que suscitaram muita simpatia em seu redor. Jovens alegres, pacíficos, espontâneos na saudação e no sorriso, respeitadores da cidade e da natureza, apaixonados de Cristo e da sua mensagem. É um povo que entra no terceiro milénio com energias novas.

Alguns desses jovens ainda estão em Roma e hoje encontra-se aqui uma representação deles. São os jovens Gen do Movimento dos Focolares, que vejo numerosos e saúdo com grande afecto, grato pela visita.

Agradeçamos ao Senhor o bem que o Jubileu dos Jovens difundiu na Igreja e no mundo. Todos ficaram profundamente impressionados com a sua grande afluência. O Dia Mundial da Juventude é apenas uma etapa dum caminho que deve prosseguir. Cada jovem, depois de ter regressado ao próprio País, é chamado a aprofundar a própria opção pelo Evangelho e a sua coerência de vida. Neste sentido, na inesquecível vigília em Tor Vergata, falei do "laboratório da fé", daquele admirável laboratório espiritual no qual cada um, em diálogo com Deus, pode crescer consciente da própria fé, e tornar-se testemunha convicta de Cristo.

2. Quase como prolongamento do Jubileu dos Jovens, no próximo domingo, 3 de Setembro, terá início o dos Professores Universitários.

Ele terá como tema: "A Universidade para um novo humanismo". No alvorecer do terceiro milénio, a Igreja repropõe ao mundo da cultura e, sobretudo, ao da universidade, a mensagem de Cristo como fonte de uma visão do homem e do mundo nos quais o desígnio de Deus se reflecte em plenitude. À sua luz é possível formar as novas gerações, preparando-as para enfrentar os grandes desafios da história, para construir sociedades solidárias e atentas às pessoas, sobretudo às mais débeis.

Por isso, é necessário favorecer um intenso e atento diálogo entre a fé e as culturas, de forma que elas sejam regeneradas mediante o encontro com a antiga e sempre actual Boa Nova.

3. Confio os frutos do Dia Mundial da Juventude e a realização do próximo Jubileu das Universidades a Nossa Senhora, Mãe da Igreja e Virgem do "sim" total e generoso à chamada do Senhor. Ela ajude os jovens a manter viva a chama do fogo do amor de Deus. Obtenha para todos o desejo laborioso da santidade, para serem gérmen e fermento evangélico na cidade dos homens.

 

 

© Copyright 2000 - Libreria Editrice Vaticana

 

top