The Holy See
back up
Search
riga

JOÃO PAULO II

ANGELUS

Domingo, 10 de Setembro de 2000

 

 
1. Com esta solene celebração conclui-se o Jubileu dos Professores universitários, preparado por numerosos encontros internacionais e culminado nas jornadas romanas. Renovo o meu agradecimento a quantos o organizaram e a quantos nele participaram: a cada um faço votos por que possa haurir dele os melhores frutos para si e para a Comunidade universitária a que pertence.

2. Saúdo cordialmente os universitários francófonos que vieram participar no seu Jubileu, assim como todos os outros peregrinos. Que este encontro vos ajude a permanecer sempre voltados para a Verdade e a prosseguir com audácia os vossos empenhamentos em favor da dignidade da pessoa e também do seu crescimento humano e espiritual. A todos concedo com grande afecto a Bênção Apostólica.

3. Quero saudar os participantes de língua inglesa nesta celebração jubilar dos Professores universitários e exprimir o meu sincero agradecimento pelo seu testemunho do Evangelho de Jesus Cristo no mundo académico. Rezo para que cada um de vós, juntamente com as instituições das quais provindes e com os estudantes que orientais ao longo dos caminhos do ensino superior, seja cumulado com a luz e a força do Espírito Santo, para que as novas gerações conservem sempre acesa a chama da fé, da esperança e do amor, resplandecendo com vigor no seu íntimo.

4. Saúdo com afecto os professores universitários de língua espanhola. Que esta peregrinação jubilar seja um estímulo no vosso magistério, favorecendo a educação integral das pessoas e dando também testemunho do amor de Cristo que é o Caminho, a Verdade e a Vida.

5. Saúdo os professores universitários de língua portuguesa que viveram estes dias jubilares com Cristo: Ele já uma vez se perdeu no meio dos doutores; não deixeis que tal se repita hoje! Com amabilidade e respeito, testemunhai a esperança que Jesus semeou em vós. O mesmo desejo aos membros da peregrinação franciscana da Diocese de Viseu.

6. Dirijo uma cordial saudação aos professores universitários de língua alemã. As Universidades, enquanto laboratórios de sabedoria, devem ser lugares onde ela constrói a própria casa. O cientista não deve fazer tudo o que pode. Para esta alta responsabilidade concedo-vos de bom grado a Bênção Apostólica.

7. Saúdo cordialmente todos os professores universitários que representam as Universidades polacas. A vossa participação neste encontro jubilar é um testemunho da fé e do profundo desejo de vos unirdes a Cristo Mestre. A sua graça vos sirva de apoio e inspiração no vosso trabalho científico e didáctico. Deus vos abençoe!

8. Confiemos a Maria Santíssima, Sede da Sabedoria e Mãe da Igreja, estes votos e estas esperanças. Com a sua protecção celestial, Ela oriente o caminho de cada um para o conhecimento da verdade plena em Cristo, seu Filho.

 

 

© Copyright 2000 - Libreria Editrice Vaticana

 

top