The Holy See
back up
Search
riga

JOĆO PAULO II

ANGELUS

Castel Gandolfo, 15 de agosto de 2003

 

1. No coração do mês de Agosto, que para muitos é tempo de repouso e de férias, a liturgia celebra com solenidade a Assunção da Bem-Aventurada Virgem ao Céu. Este é um dia de esperança e de luz, porque todos os homens, peregrinos na terra, podem entrever, em Maria, "o destino de glória" que os espera.

Contemplamos hoje a Serva do Senhor circundada por um esplendor real no Paraíso, onde nos precedeu também com o seu corpo glorificado. Olhemos para Ela como sinal de esperança certa. De facto, em Maria cumprem-se as promessas feitas por Deus aos humildes e aos justos: o mal e a morte nunca terão a última palavra.

2. Caríssimos Irmãos e Irmãs, por mais escuras que possam ser as sombras que por vezes se adensam no horizonte, e por mais incompreensíveis que sejam certos acontecimentos da vicissitude humana, nunca percamos a confiança e a paz. A festa de hoje convida-nos a confiar-nos a Nossa Senhora da Assunção que, do Alto, como estrela resplandecente, nos orienta no caminho quotidiano da existência terrena.

Com efeito, a Virgem elevada à Jerusalém do céu "prossegue a sua obra ao lado do Rei da glória, como nossa advogada e ministra de salvação" (Prefácio da Missa em honra de Maria Virgem das Mercês). Maria ajuda a compreender que unicamente no seu Filho divino a nossa vida pode encontrar sentido e valor plenos. Assim, Ela alimenta em nós "a esperança da meta escatológica", para a qual estamos "encaminhados enquanto membros do Povo de Deus peregrino na história" (Carta Apost. Rosarium Virginis Mariae, 23).

3. Ó Virgem, Mãe de Cristo, vela sobre a Igreja! Faz com que também nós, um dia, possamos partilhar a tua mesma glória no Paraíso, onde "hoje foste assumida acima do coro dos Anjos e triunfas com Cristo eternamente" (Ant. do começo da Missa vespertina na vigília).


No final do Angelus João Paulo II saudou em várias línguas os peregrinos ali presentes, com as palavras que apresentamos a seguir: 

Queridos peregrinos de língua portuguesa, na grande festa da Assunção, convido-vos a confiar sempre na Virgem Santa Maria. Recorrei à sua poderosa intercessão.

Queridos peregrinos de língua francesa, a exemplo da Virgem Maria, permanecei disponíveis à chamada do Senhor, testemunhando a alegria da salvação que Cristo nos trouxe!

Dou de coração as boas-vindas aos peregrinos e visitantes de língua alemã. Entregai-vos todos os dias à intercessão de Maria!

Saúdo os peregrinos italianos. Em particular, o grupo de jovens do Movimento FAC, que participam num curso de formação espiritual; e os membros consagrados da Obra da Igreja, que hoje renovam o seu compromisso de testemunho fiel do Evangelho.

© Copyright 2003 - Libreria Editrice Vaticana

top