The Holy See
back up
Search
riga

MENSAGEM DO PAPA JOÃO PAULO II
AO PATRIARCA DE ANTIOQUIA DOS MARONITAS
 SUA BEATITUDE ANTOINE PIERE KHORAICHE

 

A visita que o meu Secretário de Estado, o Cardeal Agostino Casaroli, efectua ao Líbano, oferece-me a ocasião de dirigir uma cordial saudação, na oração e na amizade, ao querido povo libanês e em particular a Vossa Beatitude e à Igreja Maronita, hoje em festa pela elevação de um dos seus filhos à dignidade episcopal, com a missão de Representante da Santa Sé nas Antilhas.

Na pessoa do Cardeal Casaroli, queria eu próprio estar presente junto de todos os Libaneses, aproximar-me deles e dizer-lhes da estima que lhes dedico, pelo seu espírito herdado das gerações passadas, ricas em civilização, em humanidade e sobretudo em profundo sentido religioso.

Os Libaneses sabem bem como a Santa Sé participou nos seus sofrimentos e como se preocupou por que a serenidade e a paz — uma paz que respeite os direitos de todos — reinem de novo sobre a sua terra e em toda a zona.

Desejo assegurar-vos que a acção da Sé Apostólica em favor da paz continuará sem descanso. Dirijo, ao mesmo tempo, um apelo de coragem a todos os filhos do Líbano, para que abram o seu coração à esperança e para que, confiantes na ajuda de Deus, dê cada um o seu próprio contributo para a reconciliação e para a reconstrução da sua Pátria, em colaboração com ,as Autoridades do Estado, a fim de se preparar um futuro feliz para a Nação libanesa.

Com estes sentimentos, peço, ao Senhor que abençoe o Líbano e que conceda a todos os Libaneses e aos seus Dirigentes sabedoria, serenidade e paz.

Vaticano, 28 de Março de 1980.

JOÃO PAULO PP. II

 

 © Copyright 1980 - Libreria Editrice Vaticana

 

top