The Holy See
back up
Search
riga

APELO DO PAPA JOÃO PAULO II
AOS PRESIDENTES DA ARGENTINA E DO CHILE
PELA CONVIVÊNCIA FRATERNA ENTRE OS POVOS

Terça-feira, 12 de Dezembro de 1978

 

Senhor Presidente

Desejo dirigir a minha atenção para o iminente encontro entre os Senhores Chanceleres da Argentina e do Chile com viva esperança de ver superada a controvérsia que divide os vossos Países e que tanta mágoa causa ao meu coração.

Oxalá o colóquio abra o caminho a uma ulterior reflexão que, evitando passos susceptíveis de consequências imprevistas, Leve a prosseguir um exame sereno e responsável dos contrastes. Assim poderão prevalecer as exigências da justiça, da equidade e da prudência, como fundamento seguro e estável da convivência fraterna dos vossos povos que corresponde à sua profunda aspiração de paz interior e exterior, sobre as quais se possa construir um futuro melhor.

O diálogo não prejudica os direitos e amplia o campo das possibilidades razoáveis, para honra de todos quantos têm a força e o bom senso de o continuar incansavelmente contra todos os obstáculos.

Será urna solicitude abençoada por Deus e sustida pelo consenso dos vossos povos e o aplauso da Comunidade internacional.

O meu apelo é ditado pelo afecto paterno que sinto por ambas essas Nações tão queridas, e pela confiança que me inspira o sentido de responsabilidade de que até agora elas deram prova e da qual espero um novo testemunho.

Com os meus melhores votos e a minha Bênção.

JOÃO PAULO PP. II

 

© Copyright 1978 - Libreria Editrice Vaticana

 

top