The Holy See
back up
Search
riga

VIAGEM APOSTÓLICA DO PAPA JOÃO PAULO II
 À REPÚBLICA DOMINICANA, MÉXICO E BAHAMAS

DISCURSO DO SANTO PADRE
NA CATEDRAL DE SÃO DOMINGOS

Quinta-feira, 25 de Janeiro de 1979

 

Senhor Cardeal,
Irmãos no Episcopado,
queridos filhos

Há poucos momentos tive a dita de chegar ao vosso País e agora sinto uma nova alegria ao encontrar-me convosco nesta Catedral dedicada à Anunciação — a Catedral Primaz, situada ao lado da que foi a primeira Sede Arquiepiscopal na América — aonde quisestes vir em tão grande número para ver o Papa.

Um obrigado, antes de mais, a vós, Senhor Cardeal, pelas vossas bondosas palavras, que encheram a minha alma de satisfação, de admiração e de esperança.

Desejo dizer-vos que o Papa também anseia por estar convosco, para vos conhecer e vos amar ainda mais. Só tenho pena de não poder estar e falar com cada um de vós em particular.

Mas, apesar de isto não ser possível, sabei que nenhum de vós deixa de ser abrangido pelo afecto e pela lembrança do pai comum, que mesmo estando longe pensa em vós e reza pelas vossas intenções.

Para que este encontro seja mais íntimo, façamos um momento de oração e peçamos ao Senhor, por intercessão de Nossa Senhora de "Altagrácia", cuja imagem está aqui presente, vos conceda a graça de serdes sempre bons filhos da Igreja e de crescerdes na fé, e de que a vossa vida seja urna vida digna de cristãos.

A vós, aos vossos compatriotas e familiares, sobretudo aos doentinhos e aos que sofrem, concedo com muito gosto a minha Bênção.

E rezai, também vós, pelo Papa.

 

© Copyright 1979 - Libreria Editrice Vaticana

 

top