The Holy See
back up
Search
riga

VIAGEM APOSTÓLICA DO SANTO PADRE AO BRASIL

MENSAGEM DO PAPA JOÃO PAULO II
PARA O POVO BRASILEIRO

30 de Junho de 1980

Caríssimos irmãos e irmãs do Brasil

Antes mesmo de pisar o solo brasileiro, tenho a alegria de chegar a este País e dirigir-me ao seu povo, através da rádio e da televisão.

A minha mensagem, neste momento, é antes de tudo uma cordialíssima saudação ao povo brasileiro em geral e a cada brasileiro em particular. Saúdo a Igreja no Brasil em seus Pastores e fiéis. Saúdo os Governantes e responsáveis pelo bem-comum. Saúdo as famílias, com um pensamento especial para os jovens e as crianças. Saúdo os que sofrem: os doentes, os aflitos, os abandonados e os sós.

Gostaria, depois, de declarar mas será ainda necessário fazê-lo? que empreendo estas jornadas, pobre de qualquer aparato inumano. Trago uma só riqueza: uma ilimitada afeição à boa gente do Brasil; um profundo desejo de proclamar-lhe a Boa-Nova, capaz de der a felicidade possível nesta vide, germe da verdadeira bem-aventurança; a boa vontade de contribuir a consolidar a fé nos filhos da Igreja Católica neste País.

Desde o primeiro momento, eu quis fazer desta viagem uma peregrinação até Fortaleza, onde se prepara o Décimo Congresso Eucarístico Nacional. Cada cidade visitada nesta antiga Terra de Santa Cruz, passando pelo Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, será uma etapa a caminho da meta final: o solene ato de adoração ao Santíssimo Sacramento, mistério da Fé e verdadeiro alimento para a vide eterna. Todo o meu peregrinar pela vossa pátria será para chegar junto com o Brasil ao altar da Eucaristia.

Estou certo de encontrar as portas abertas à minha mensagem de paz e esperança, certo da acolhida sobretudo de tantos e tantas que procuram viver, à luz do Evangelho, a bem-aventurança daqueles “que têm um coração de pobre”.

Tenho enfim um pedido a fazer, a todos os que, no Brasil, professam a fé católica; mas estendo o pedido aos meus irmãos cristãos de outras confissões, a todos os que crêem em Deus e aos que, mesmo sem o dom da fé, acreditam nos valores do espírito. Peço que se unam a mim para confiarmos a Deus os caminhos destas jornadas que inicio, com a íntima convicção de corresponder à Sua adorável Vontade. Possa o Senhor dispor e queira aceitar, ao fim do longo itinerário, uma abundante colheita de excelentes frutos.

Na fervorosa expectativa do encontro pessoal, reafirmando minha estima afetuosa a todo o querido Brasil, invoco sobre este País-Continente a plenitude das bênçãos divinas.

 

© Copyright 1980 - Libreria Editrice Vaticana 

 

top