The Holy See
back up
Search
riga

VIAGEM APOSTÓLICA DO SANTO PADRE
À REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA
(15-18 DE NOVEMBRO DE 1980)

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
AOS MEMBROS SOCIEDADE KOLPING

Igreja dos Frades Menores Conventuais
Colónia, 15 de Novembro de 1980

 

Querida Sociedade Kolping!

A Catedral de onde acabamos de vir tem duas enormes torres que se levantam para o céu como sinais da fé. A igreja dos Frades Menores é da mesma época da Catedral e contém duas torres espirituais da fé; o conhecido teólogo Duns Scoto e o grande pastor de almas Adolph Kolping. Duns Scoto introduziu-nos no mistério da Imaculada Conceição de Maria e indicou o seu lugar no plano salvífico de Deus. Está igreja foi dedicada à Imaculada como a primeira igreja no norte dos Alpes. Ao lado do pensador repousa nesta igreja o pastor de almas, escritor popular e apóstolo social Adolph Kolping

Adolph Kolping promoveu a nova reflexão do homem no seu valor interior dado a ele por Deus na família, na profissão; na Igreja, no Estado e na sociedade. O seu programa era: cada cristão individualmente transforma o mundo se ele vive cristãmente. Adolph Kolping viveu num tempo de transformações políticas e sociais. Sabia que cada um, só por si, não pode contribuir para melhorar a situação. Por isso, fundou a Sociedade católica que hoje e internacionalmente conhecida como Sociedade Kolping. Queria, com isto, dar aos homens que viviam em situações sociais difíceis, segurança e casa.

Quando Adolph Kolping fundou, em Colónia, a sua primeira Sociedade, actuava também ali Karl Marx. Este queria a revolução e a luta de classe; Adolph Kolping, por sua vez, queria a transformação da sociedade através do comportamento cristão dos homens. Os fundamentos do seu trabalho foram: o Evangelho de Cristo e a doutrina social católica, a qual, através dos escritos dele, foi difundida e adquiriu novo impulso. Vim para agradecer a Adolph Kolping e à Sociedade Internacional Kolping, que põe em prática o seu programa como contributo para a solução dos problemas sociais. Com grande alegria tomei conhecimento de que a Sociedade Kolping está espalhada em vinte países do mundo e que, nos últimos anos, se difundiu de maneira muito benéfica também no Terceiro Mundo. Principalmente alegrei-me em saber que, por toda a parte, muitos jovens se inscrevem neste movimento e se deixam formar por ele, que dá testemunho da Boa Nova do Evangelho.

Conheço o vosso grande desejo de obter a beatificação do Padre Kolping. Para isto vos animo e abençoo os vossos esforços. Repito o que disse aqui em 1978: "de testemunhas como Adolph Kolping é que nós precisamos para a Igreja de hoje".

 

© Copyright 1980 - Libreria Editrice Vaticana

 

top