The Holy See
back up
Search
riga

VIAGEM APOSTÓLICA DO SANTO PADRE
AO EXTREMO ORIENTE (PAQUISTÃO, FILIPINAS,
GUAM, JAPÃO E ALASKA)

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
 NA CERIMÓNIA DE DESPEDIDA DE GUAM

Aeroporto de Agaña
Segunda-feira, 23 de Fevereiro de 1981

 

Queridos irmãos e irmãs

1. Cedo demais, parece-me, encontro-me a dizer-vos adeus. Nestas horas que passei convosco, encontrámo-nos e encorajámo-nos mutuamente, e rezámos como uma família diante de Deus, nosso Pai celeste. Quantas alegrias e bênçãos estão contidas nestas actividades!

2. A minha visita pastoral aqui tinha como objectivo dar força a todos os meus irmãos e irmãs para a sua vida cristã. Oxalá esta minha responsabilidade como Sucessor de Pedro na Igreja tenha bom êxito!

Devo ainda dizer-vos que estar convosco renovou também o meu espírito. Através do entusiasmo e da solidariedade que me demonstrastes, vi eu mesmo a profundidade da vossa fé, da vossa esperança e do vosso amor. E esta experiência encheu-me de grande felicidade.

3. Ao partir, desejo repetir-vos as palavras de São Paulo: "Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos muito amados" (Ef 5, 1). Sim, caminhai sempre pelos caminhos do amor, tomando Jesus como vosso modelo e guia. Oferecei aos estrangeiros que estão no meio de vós a mesma hospitalidade que me manifestastes. Respeitai e salvaguardai a dignidade de toda a vida humana, especialmente a vida dos anciãos e dos nascituros. Reforçai os laços da vida de família, fazendo de cada lar um porto de paz, de respeito e de amor recíproco. Sede sempre vigilantes a fim de que os caminhos da justiça caracterizem todos os aspectos da vossa vida social. E sede sempre gratos a Deus pelas bênçãos materiais e espirituais que Ele vos concedeu. Sabei que elas não foram dadas por prazer momentâneo mas para vos ajudar a conhecer o seu constante cuidado paterno por vós.

4. Agradeço de todo o coração àqueles que tiveram uma parte nesta visita. Em primeiro lugar, manifesto a minha gratidão às autoridades civis que têm a responsabilidade do destino da população deste território. Em segundo lugar, desejo agradecer a todos os meus irmãos no Episcopado que estiveram comigo durante a minha permanência aqui, mas de modo particular ao Bispo Flores, cujas boas-vindas a esta Diocese foram tão calorosas e generosas. Não possa esquecer o clero, os religiosos e os leigos da Diocese todos aqueles com quem me encontrei e aqueles que, por doença ou por outras razões, não puderam vir. Tende a certeza de que o Papa está com todos vós e que reza por vós. Permiti-me que diga a toda a gente desta vasta área: "Deus abençoe Guam e as ilhas Marianas! Deus proteja todo o povo da Micronésia! Ele vos conceda a verdadeira felicidade como a seus filhos! Ele vos abençoe sempre com a sua paz!»

Si Yuus maase yan adios! (Obrigado e adeus!).

Hu bendisi harnyu todos: Gi naan i Tata, yan i Lahinia, van i Espiritu Santu (Abençoo-vos a todos: Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo).

 

© Copyright 1981 - Libreria Editrice Vaticana

 

top