The Holy See
back up
Search
riga

MENSAGEM TELEVISIVA DO PAPA JOÃO PAULO II
AOS DOENTES REUNIDOS JUNTO DA GRUTA DE LOURDES

Terça-feira, 21 de Julho de 1981

 

Caros doentes, queridas pessoas deficientes,
caros enfermos do Congresso Eucarístico.

O meu pensamento afectuoso e a minha oração dirigem-se a todos os congressistas, junto da gruta de Lourdes, mas, por um motivo todo especial, a vós mesmos.

Lourdes é o ponto alto onde os doentes vindos do mundo inteiro ocupam sempre o primeiro lugar, atendidos pelos seus irmãos que estão bem de saúde, para apresentarem o seu sofrimento à compaixão da nossa Mãe, a Virgem Maria, à misericórdia de Cristo Jesus, e retornarem com o conforto que vem de Deus.

Vós estais no centro do Congresso que celebra a presença real de Cristo sob o humilde sinal do pão, o Cristo que sofreu e ofereceu a Sua Paixão para entrar na Vida e nos abriu o seu Reino.

Nunca deixais de ser membros que pertenceis inteiramente à Igreja; não só comungais como os outros o Corpo do Senhor, mas comungais na vossa carne a Paixão de Cristo. Os vossos sofrimentos não se perdem: contribuem, de maneira invisível, para o crescimento da Caridade que anima a Igreja. O Sacramento da Unção dos Enfermos une-vos de modo especial a Cristo, para o perdão dos vossos pecados, para o reconforto da vossa alma e do vosso corpo, para aumentar em vós a esperança do Reino de luz e de vida que Cristo nos promete.

Quando encontrava doentes, em Roma ou nas minhas viagens, gostava de me deter com cada um deles, de os ouvir e abençoar, para lhes manifestar que cada um deles era objecto da ternura de Deus. É assim que fazia Jesus.

Deus permitiu que eu próprio sinta, presentemente, na minha carne, o sofrimento e a fraqueza. Sinto-me ainda mais próximo de vós. Do mesmo modo compreendo melhor a vossa provação. "Completo na minha carne o que falta aos sofrimentos de Cristo pelo seu Corpo, que é a Igreja" (Col 1, 24). Convido-vos a oferecer comigo a vossa provação ao Senhor, que realiza grandes coisas pela Cruz; a oferecê-la para que a Igreja inteira conheça, mediante a Eucaristia, urna renovação de fé e de caridade; para que o mundo conheça a graça do perdão, da paz e do amor.

Que Nossa Senhora de Lourdes vos conserve na esperança!

Abençoo todos aqueles que vos amparam com a sua amizade e com os seus desvelos, e de vós recebem um apoio espiritual.

E a vós próprios, com todo o meu afecto, dou-vos a bênção em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo.

 

© Copyright 1981 - Libreria Editrice Vaticana

 

top