The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
 AOS OFICIAIS E AGENTES DA POLÍCIA
ESTRADAL ITALIANA

Sexta-feira, 10 de Abril de 1982

 

Caríssimos!

1. Seguindo já uma bela tradição, vós, Oficiais e Agentes da Policia, viestes hoje apresentar-me os votos de Boa Páscoa. Agradeço-vos sinceramente este gesto de distinta delicadeza e desejo aproveitar esta circunstância para vos renovar publicamente o meu imperioso e cordial apreço pela dedicação, probidade e empenho notáveis, que manifestais ao prestar o vosso meritório serviço de escolta durante os meus contínuos deslocamentos na cidade de Roma e na Itália, por ocasião das minhas visitas e viagens pastorais. Este vosso dever comporta muito frequentemente não leves sacrifícios, que enfrentais com grande sentido de responsabilidade.

Nesta vigília da Santa Páscoa retribuo estas vossas cuidadosas atenções para com a minha pessoa, apresentando a vós e aos vossos queridos familiares aqui presentes os meus afectuosos augúrios de todo o bem! Boa Páscoa!

2. Os meus votos adquirem particular significado nesta solene Vigília da Festa mais importante da liturgia e da vida cristã: a Páscoa do Senhor. Nós, baptizados, cremos firmemente que Jesus de Nazaré é o Messias, o Filho de Deus, encarnado, morto e ressuscitado para a nossa salvação. Esta mensagem de ressurreição vos proporcione, a vós e aos vossos caros, uma alegre esperança e vos incite ao empenho de uma vida pessoal e familiar em perfeita sintonia e séria coerência com o ensinamento de Cristo Redentor.

A alegria da Páscoa ilumine os vossos corações, as vossas casas, o vosso trabalho!

Com estes votos renovo os sentimentos da minha estima e concedo-vos de grande coração a Bênção Apostólica.

 

© Copyright 1982 - Libreria Editrice Vaticana

 

top