The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
A UM GRUPO DE CIGANOS DA ALSÁCIA (FRANÇA)

21 de Março de 1997

 

Caros Irmãos e Irmãs,
«Gente em caminho» da Alsácia!

1. No decurso da peregrinação que fazeis junto dos túmulos dos Apóstolos Pedro e Paulo, é-me grato acolher-vos. Saúdo-vos muito cordialmente, assim como D. Charles Amarin Brand, Arcebispo de Estrasburgo, e os representantes do Pontifício Conselho para a Pastoral dos Migrantes e Itinerantes, que vos acompanham.

Estamos na vigília da grande semana da Paixão do Senhor. A Sua morte na Cruz traduz, da maneira mais clara, o amor de Deus por nós. O sacrifício de Jesus por todos os homens confere a cada um a dignidade de pessoa amada por Deus. Todo o ser humano deve ser considerado, amado e servido porque é irmão de Cristo. Quando se ignora esta relação com o Salvador, abre-se o caminho às humilhações ou ao desprezo, que se procura legitimar por discriminações injustas.

2. Conheço a vossa adesão à fé, à Igreja católica e ao Papa. Renovai, sem cessar, a vossa vida de crentes haurindo nas fontes da Palavra de Deus e permanecendo fiéis à oração comunitária e pessoal. Como eu disse, ao receber os participantes num encontro para a pastoral entre os Ciganos, a 8 de Junho de 1995, «é necessária uma nova evangelização orientada para cada um dos seus membros, como para uma querida porção peregrinante do Povo de Deus» (Ed. port. de «L'Osservatore Romano», de 1 de Julho de 1995, n. 4, pág. 9); este empreendimento ajudar-vos-á a superar as tentações que hoje são fortes: fechar-se em si mesmo, procurar refúgio nas seitas ou ainda dilapidar o seu património religioso a fim de se voltar para um materialismo que impede reconhecer a presença divina.

3. A vossa visita dá-me a ocasião de recordar que, no próximo dia 4 de Maio, em Roma, terei a alegria de proclamar Beato Zeferino Jiménez Malla, um Cigano admirável pela seriedade e sabedoria da sua vida de homem e de cristão. A sua vida foi realizada plenamente, pois ele a viveu santamente na fidelidade a Deus e no estilo de vida próprio dos Ciganos. Morreu mártir da fé, apertando contra o peito o rosário, que ele recitava todos os dias com uma devoção ternamente filial a Maria. Ele é um bonito exemplo de fidelidade à fé para todos os cristãos, e de modo especial para vós que estais próximos dele, por causa dos vínculos étnicos e culturais.

No seguimento de Zeferino Jiménez Malla não faltam, certamente, entre vós pessoas capazes de promover a actividade pastoral na vossa comunidade cristã de gente em caminho. Na Igreja local, as ordenações de homens do vosso povo ao diaconato e a outros ministérios são factos positivos, que deverão continuar.

4. Este encontro permite-me oferecer-vos os meus melhores votos por ocasião das santas festas pascais, quando vamos celebrar o evento central da história da salvação, fundamento da esperança cristã. Mediante o baptismo, sacramento da regeneração espiritual, participais na morte e na ressurreição de Jesus; uma vida nova é-vos dada. A Páscoa é o tempo da renovação das promessas baptismais: fazei-o com convicção e com confiança no amor do Senhor. É Ele que vos dará força e coragem nas dificuldades que encontrais no vosso caminho.

Ao invocar a Santíssima Virgem Maria e os Santos que vos são caros, dou-vos a Bênção Apostólica, a vós aqui presentes, às vossas famílias e comunidades.

 

 

 

top