The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
ÀS RELIGIOSAS CAPITULARES
 DAS IRMÃS FRANCISCANAS DA PENITÊNCIA
E DA CARIDADE CRISTÃ

Segunda-feira, 15 de Novembro de 1999

 

Queridas Religiosas!

Com afecto no Senhor vos saúdo, Irmãs Franciscanas da Penitência e da Caridade Cristã, por ocasião do vosso Capítulo Geral. A minha saudação cordial é dirigida sobretudo à Irmã Christiana Pecoraro, vossa Superiora-Geral, e às Irmãs que participam no Capítulo. Asseguro a todas vós a minha proximidade na oração nestes dias, durante os quais procurais discernir, com espírito de reflexão orante, a orientação mais adequada para enfrentar os desafios do presente, confiantes na força da graça de Deus para criar um futuro de esperança e renovar todas as coisas em Cristo.

O tema que escolhestes para o vosso Capítulo, "Motivadas em Deus", reflecte o empenho em edificar, partindo do rico património espiritual da vossa fundadora, Madre Magdalen Daemen, que inspirou o testemunho de consagração religiosa e de empenho missionário de gerações de Irmãs nos Países Baixos, Alemanha, Polónia, Indonésia, Brasil e Estados Unidos. A fecundidade daquele carisma de fundação continua a ser evidente hoje nas mais recentes missões da vossa Congregação na Tanzânia, Líbia, México, Guatemala, Irian Ocidental e Timor Leste e Oeste.

Como podemos deixar de reconhecer, no centro deste louvável "movimento" espiritual e apostólico, a pessoa de Jesus Cristo, Filho de Deus, que Madre Magdalen conheceu e amou desde os seus primeiros anos? Foi Cristo que escolheu cada uma de vós (cf. Jo 15, 16) e vos enviou, na força do Espírito Santo, a fim de produzirdes fruto para o crescimento do seu Reino. Toda a missão tem a sua origem última no movimento da graça de Deus no nosso coração. Todo o apostolado é inspirado pela chamada de Cristo ao seguimento e sobre ela está fundado. Por este motivo, encorajo-vos, como autênticas filhas de São Francisco, a promover em todos os aspectos da vida da vossa Congregação o empenho na conversão, penitência, oração intensa e contemplação, como base da vossa presença e missão no mundo. "Motivadas em Deus", oxalá sejais, portanto, canais da sua paz num mundo muitas vezes tragicamente conturbado por conflitos, divisões e injustiças.

O vosso Capítulo reúne-se de maneira significativa na vigília da celebração do Grande Jubileu por parte da Igreja, que tem em vista conferir-lhe "uma consciência nova da missão salvífica recebida de Cristo" (Carta Apostólica Tertio millennio adveniente, 21). Uma parte relevante do Capítulo Geral, de facto, será uma peregrinação a Greccio, lugar em que São Francisco proclamou o mistério da encarnação de Cristo em toda a sua simplicidade e beleza radiosa. Que a luz de Cristo e a alegria do Grande Jubileu cumulem de esperança o vosso coração durante estes dias de discernimento e decisão, e despertem em todas as Irmãs Franciscanas da Penitência e da Caridade Cristã um renovado empenho na missão da Congregação! Enquanto procurais satisfazer as exigências das numerosas pessoas com as quais vos encontrais nos vários apostolados, oxalá, como São Francisco, irradieis a "paz de Deus que supera toda a inteligência" (Fl 4, 7) e convida o coração humano, entre o rumor e as distracções do mundo, a conhecer e a amar Jesus Cristo e a viver na justiça e na paz, como amados filhos e filhas de Deus. Como Congregação internacional, o vosso testemunho de caridade fraterna e de respeito pelos outros e o vosso empenho pela justiça, a promoção dos direitos do homem e da sua dignidade, a educação e a solicitude, possam ser um sinal importante da presença do Reino universal de Cristo e da sua infinita graça reconciliadora. De modo muito especial, as vossas Irmãs idosas, que representam uma fonte tão rica de espiritualidade e de sabedoria, podem servir de exemplo e, com as suas orações e sacrifícios, ser uma fonte de imensa graça e de fecundidade espiritual no cumprimento da missão da Congregação nesta geração.

Queridas Irmãs, sabemos que "a missão revigora a vida consagrada, lhe dá novo entusiasmo e novas motivações, solicita a sua fidelidade" (Vita consecrata, 78). Dado que o vosso Capítulo Geral tem em vista promover na vida de cada religiosa e da inteira Congregação a plena fidelidade ao carisma de fundação e uma união sempre mais profunda entre a mente e o coração com a Igreja universal, oro a fim de que todas vós experimenteis aquela renovação interior que é o fundamento e a garantia da fecundidade no apostolado.

Ao invocar sobre vós a luz e a força do Espírito Santo, concedo de coração a minha Bênção Apostólica como penhor de graça e de paz em nosso Senhor Jesus Cristo.

 

© Copyright 1999 - Libreria Editrice Vaticana 

top