The Holy See
back up
Search
riga

CARTA DO SANTO PADRE AO PRESIDENTE DO INSTITUTO "GIUSEPPE TONIOLO"

27 de Junho de 2000

 
Ao Deputado EMÍLIO COLOMBO
Presidente do Instituto "Giuseppe Toniolo"

Por ocasião do octogésimo aniversário do Instituto "Giuseppe Toniolo", desejo fazer chegar a Vossa Excelência e a todos os Membros a minha saudação de bons votos. Com íntima participação, uno-me à comum acção de graças ao Senhor pela profícua obra realizada em favor da presença dos católicos italianos no mundo da cultura e da investigação científica. Com efeito, é à acção profética e tenaz dessa benemérita Instituição, querida pelo Padre Agostino Gemelli e pelo Mons. Francesco Olgiati, que se devem a erecção canónica da Universidade Católica do Sagrado Coração e o seu reconhecimento jurídico estatal.

Os meus venerados Predecessores manifestaram sempre profunda estima pelo Instituto "Giuseppe Toniolo", cuja tarefa é garantir que a Universidade dos católicos italianos continue sempre fiel ao seu dúplice fim estatutário:  a investigação científica iluminada pela fé e a preparação de qualificados profissionais cristãos, que trabalhem em plena sintonia com o Magistério da Igreja e no respeito de uma legítima pluralidade de pontos de vista no âmbito científico. Os Sumos Pontífices não deixaram de demonstrar constante consideração pela dedicação com que o Instituto sempre procurou favorecer, na Comunidade académica, o espírito de colaboração e de serviço, necessário para uma frutuosa actividade científica e para melhor corresponder às expectativas dos Pastores e dos católicos italianos.

Ao exprimir vivo apreço pelo empenho coerente com que o Instituto "Giuseppe Toniolo", também em momentos de particular dificuldade, soube manter inalterados os princípios inspiradores da Universidade Católica do Sagrado Coração, servindo de maneira eficaz a causa da cultura e do Evangelho no mundo académico italiano, formulo votos por que, na fidelidade à sua grande tradição, possa enfrentar os desafios do novo Milénio, amalgamando a plena adesão ao Magistério da Igreja, o rigor científico e a iniciativa clarividente.

Com estes sentimentos, enquanto invoco do Coração de Cristo copiosos dons jubilares de graça e de santidade para a sua pessoa, Senhor Presidente, e para os Membros do Instituto "Giuseppe Toniolo", confio cada um à protecção materna de Maria, Sede da Sabedoria, concedendo a todos uma especial Bênção Apostólica.

Vaticano, 24 de Junho de 2000.

top