The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO SANTO PADRE
À COMUNIDADE DO SEMINÁRIO MAIOR
 DE WARMIA, POLÓNIA

Terça-feira, 24 de Outubro de 2000

 

Saúdo cordialmente a comunidade do Seminário Maior da Metrópole de Warmia, "Hosianum", de Olsztyn:  os alunos, os educadores com o Reitor, os trabalhadores leigos e também os membros da Associação dos Amigos do Seminário. Recordo com gratidão o momento em que, em 1991, parando em Olsztyn no percurso da minha peregrinação, tive ocasião de visitar a vossa comunidade. Estou contente por poder receber-vos, hoje, aqui junto de mim.

Viestes a Roma no Ano Jubilar, para pedir, junto dos túmulos dos Apóstolos Pedro e Paulo, as graças e bênçãos para o presente e para o futuro. Uma tal oração jubilar é particularmente actual e importante na perspectiva do novo milénio. O século XX trouxe consigo muitas transformações nos vários sectores da vida. O rápido desenvolvimento da ciência, da técnica, da medicina, da cultura, do pensamento social e político e, enfim, dos meios de comunicação não deixaram de exercer uma influência sobre a vida espiritual de cada pessoa, das famílias e das nações. Pode prever-se que também no decurso do milénio em que estamos a entrar, semelhantes transformações da realidade deste mundo constituirão uma fonte de novos desafios a respeito do homem, especialmente do homem crente. A fim de fazer frente a isso, os crentes devem encontrar um sólido apoio em sacerdotes bem preparados para o seu ministério. Por isso, hoje é particularmente importante o papel do seminário como comunidade que forma os futuros pastores.

O seminário deve ser  um  ambiente  de  homens  de  profunda fé, de inabalável esperança e de caridade cheia de abnegação; homens abertos  à  acção  do  Espírito  Santo, que desperte nos discípulos de Cristo o desejo de um activo empenho na promoção da chegada do reino de Deus Pai. O seminário  deve  ser  ainda  o  lugar onde sejam formados sacerdotes humanamente maduros, que saibam usar as conquistas da cultura moderna e que queiram contribuir para a criar. O homem de hoje tem necessidade de sacerdotes possuidores de amplos horizontes no pensar e no agir, dispostos a ir ao encontro de todas as necessidades por parte dos irmãos.

O Seminário de Warmia goza de uma longa e gloriosa tradição. Este ano, completam-se os 435 anos da fundação, por parte do Servo de Deus Cardeal Satnislaw Hozjusz, deste primeiro seminário maior em terras polacas, com sede em Braniewo. É difícil resumir em poucas frases toda a história da instituição, dos homens que a criaram e das obras dos sacerdotes nele formados. Basta, pois, a recordação de D. Wladyslaw Demsky, que me foi dado elevar à glória dos altares entre 108 mártires. Este heróico sacerdote, saído do vosso Seminário, deu a própria vida pela Verdade, defendendo a cruz de Cristo e a fé cristã. Que o seu testemunho seja para vós modelo e conforto no caminho da vocação. Rezo, a fim de que esta semente produza incessantemente frutos de novas vocações para o sacerdócio na Arquidiocese de Warmia.

Peço a Deus que derrame sobre vós, durante esta peregrinação jubilar, múltiplas graças. Cristo, o Sumo e Eterno Sacerdote, vos introduza no novo milénio e vos abençoe!

 

 

top