The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO AOS MEMBROS DO
XXXI ESQUADRÃO DA AERONÁUTICA
MILITAR DA ITÁLIA

29 de Setembro de 2001

 
Senhor Comandante
Senhores Oficiais e Suboficiais
Caríssimos Irmãos e Irmãs!

1. Renova-se também neste ano, ao terminar a minha estadia em Castelgandolfo, o encontro convosco, caros componentes do XXXI Esquadrão da Aeronáutica Militar da Itália. Tenho, assim, a oportunidade de exprimir a cada um de vós os meus sentimentos de vivo reconhecimento.

Acolho-vos com alegria e saúdo-vos cordialmente. Obrigado pelo vosso serviço generoso, que me dá a possibilidade de vistar várias comunidades eclesiais, situadas no território italiano, encontrando tantas pessoas e partilhando com elas momentos de intensa humanidade e de fervor espiritual.

Obrigado pela vossa dedicação incessante e pelo vosso solícito empenho! Com um espírito agradecido desejo manifestar-vos, mais uma vez, o meu vivo apreço pelo trabalho que desenvolveis com um claro sentido do dever e com reconhecida profissionalidade.

Obrigado porque, assim, me facilitais o desempenho do minsitério pastoral que a Providência me confiou e colaborais, vós também, no anúncio e na difusão da Boa Nova.

2. Como é tradicional, é-me grato manifestar nesta ocasião com um sinal sensível a minha estima por todo o XXXI Esquadrão, conferindo a alguns dos seus representantes especiais distinções pontifícias. Trata-se de um acto que quer interpretar a minha gratidão e da Santa Sé pela dedicação com que trabalhais. Há pouco, o vosso Comandante, ao fazer-se porta-voz dos sentimentos de todos vós, sublinhou o espírito que vos anima no vosso trabalho de cada dia, que, com certeza, não é fácil.

Deus vos recompense por isso e vos abençoe, caríssimos irmãos, bem como às vossas famílias.

Resplandeça sempre na vossa vida a luz do Evangelho! Permiti que vos renove, também a vós, o convite a "fazer-vos ao largo", que desde o fim do Grande Jubileu não cesso de dirigir a todos os crentes.

São vastos os horizontes da nova evangelização e cada cristão é chamado a oferecer o seu próprio contributo. Numa linguagem que vos é muito familiar e simbólica, poderei dizer:  "levantai voo", tendendo para ideais cada vez mais altos e sublimes na vossa vida.

O amor de Deus vos anime, ampare-vos a força do Espírito Santo, que reaviva a esperança e estimula a caridade. Vele sobre vós, como Mãe pressurosa, a Senhora que vós venerais com o título de "Virgem do Loreto". Protejam-vos os Arcanjos Miguel, Gabriel e Rafael, cuja festa hoje celebramos.

Com tais sentimentos, enquanto invoco sobre vós e as vossas famílias a assistência divina, concedo a cada um de vós uma especial Bênção Apostólica.

 

 


top