The Holy See
back up
Search
riga

VIAGEM APOSTÓLICA À TORONTO,
À CIDADE DA GUATEMALA E À CIDADE DO MÉXICO

XVII JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

FESTA DE ACOLHIMENTO

SAUDAÇÃO DO SANTO PADRE JOÃO PAULO II

Exhibition Place, Toronto
Quinta-feira 25 de Julho de 2002

 

Queridos Jovens Amigos

1. Viestes a Toronto de todos os continentes para celebrar a Jornada Mundial da Juventude. Saúdo-vos com alegria e sinceridade! Esperei ansiosamente este encontro, de maneira especial quando, quotidianamente e de todas as partes do mundo, comecei a receber no Vaticano boas notícias acerca de todas as iniciativas que caracterizaram a vossa viagem até aqui. E com frequência, mesmo sem vos encontrar, recomendava-vos, um por um, nas minhas orações ao Senhor. Ele conhece-vos desde sempre e ama-vos a cada um pessoalmente.

É com afecto fraternal que saúdo os Cardeais e Bispos que estão aqui convosco; de modo particular o Bispo D. Jacques Berthelet, Presidente da Conferência dos Bispos Católicos do Canadá, o Cardeal Aloysius Ambrozic, Arcebispo desta Cidade, e o Cardeal James Francis Stafford, Presidente do Pontifício Conselho para os Leigos. A todos, digo-vos:  oxalá os contactos com os vossos Pastores vos ajudem a descobrir e estimar cada vez mais a beleza da Igreja, experimentada como comunhão missionária.

2. Ouvindo a longa lista dos países de onde sois oriundos, demos em conjunto, por assim dizer, a volta ao mundo. Atrás de cada um de vós, pude ver o rosto dos jovens da vossa idade, que encontrei durante as minhas viagens apostólicas e que hoje, de alguma forma, são por vós aqui representados. Imaginei-vos a caminho, à sombra da cruz do Jubileu, nesta grandiosa peregrinação da juventude que, passando de continente para continente, deseja apertar o mundo inteiro num abraço de fé e de esperança.

Hoje, esta peregrinação faz uma paragem aqui, nas margens do Lago Ontário, que nos recorda outro lago, o Lago de Tiberíades, em cujas margens o Senhor Jesus dirigiu aos seus primeiros discípulos entre os quais havia provavelmente alguns que eram jovens como vós uma proposta fascinante (cf. Jo 1, 35-42).

3. O Papa, que vos quer bem, veio de longe para escutar de novo, juntamente convosco, a palavra de Jesus que ainda nos dias de hoje, como aconteceu com os discípulos naquele dia distante no tempo, pode fazer arder o coração de um jovem e motivar toda a sua existência. Por isso, convido-vos a fazer das várias actividades da Jornada Mundial da Juventude, que há pouco teve início, um período privilegiado em que cada um de vós, queridos jovens e dilectas jovens, se porá à escuta do Senhor, com um coração disponível e generoso, para se tornarem "sal da terra e luz do mundo" (cf. Mt 5, 13-16).

   

top