The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO SANTO PADRE JOÃO PAULO II
A UMA DELEGAÇÃO DE PEREGRINOS
DA BULGÁRIA PELA FESTA DOS SANTOS
IRMÃOS CIRILO E METÓDIO

11 de Maio de 2002
 

Queridos Amigos búlgaros

Tenho novamente a alegria de dar as boas-vindas à Delegação búlgara, por ocasião da festividade dos Santos Cirilo e Metódio. A vossa visita já se tornou tradicional. Neste ano, ela tem um significado especial, dado que, daqui a duas semanas, eu mesmo visitarei a Bulgária. Agradeço a Vossa Excelência, o Senhor Ministro dos Negócios Estrangeiros, as suas amáveis palavras de homenagem e a Vossa Excelência o Metropolita Kalinik as suas expressões de fraternidade e as saudações que me transmitiu da parte do Patriarca Maxim. Asseguro à vossa Delegação as minhas orações sinceras pelo bem-estar do Povo búlgaro, tão rico de história e de humanidade.

Enquanto a minha visita ao vosso País terá uma finalidade pastoral, em ordem a confirmar os meus irmãos e irmãos católicos na sua fé, a minha ardente esperança é de fortalecer os vínculos de comunhão cristã entre a Igreja católica e a Igreja búlgaro-ortodoxa. Sem dúvida, o nosso encontro vai ajudar a Bulgária a consolidar os seus fundamentos cristãos num período depois da derrocada da antiga ordem e enquanto uma nova vida está a formar-se para o vosso País. E seria um serviço prestado pelas Igrejas ao continente da Europa, que procura edificar uma renovada unidade, haurindo mais abundantemente das riquezas tanto do Leste como do Oeste.

Esta contribuição estaria em profunda sintonia com a visão dos Santos Cirilo e Metódio, visão esta que nada perdeu da sua relevância, ao longo dos séculos. Nascida do Evangelho de Jesus Cristo, a sua é uma visão de unidade na diversidade, de liberdade vinculada à verdade, de esperança perante qualquer tipo de aflição. Na Bulgária, visitarei um povo que nasceu do testemunho destes Santos e encontrarei a cultura que encarna a alma do seu ensinamento.

Envio ao Santo Sínodo as minhas saudações de paz, dos túmulos dos Apóstolos Pedro e Paulo. Ao governo e ao povo da Bulgária, exprimo a minha alegria por poder em breve visitar a vossa terra. Enquanto vos confio à salvaguarda da Mãe do Salvador e à intercessão dos Santos Cirilo e Metódio, invoco sobre a Nação as abundantes Bênçãos de Deus Todo-Poderoso.

 

 

 

top