The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
AO SENHOR ANTON ROP
PRIMEIRO-MINISTRO DA REPÚBLICA
DA ESLOVÉNIA

Sexta-feira, 28 de Maio de 2004

 

Senhor Primeiro-Ministro
Senhoras e Senhores!

1. É-me grato apresentar as minhas boas-vindas a Vossa Excelência e à Delegação que o acompanha. A sua visita de hoje realiza-se depois do acto solene do intercâmbio dos documentos de ratificação do Acordo estabelecido entre a Eslovénia e a Santa Sé sobre alguns temas jurídicos de interesse comum. Enquanto lhe agradeço as gentis expressões que me digiriu, peço-lhe que transmita a minha deferente saudação ao Senhor Janez Drnovsek, Presidente da República.

2. O acordo que hoje entrou em vigor testemunha o compromisso da República da Eslovénia por manter boas relações com a Sé Apostólica. Estas relações estão fundadas no respeito recíproco e na colaboração leal em beneficio de todos os habitantes do vosso Pais, que recentemente fez o seu ingresso na Uniao Europeia. Sei que a Eslovénia deseja contribuir para o comum compromisso de fazer da Europa uma verdadeira família de Povos num contexto de liberdade e de cooperação recíproca, salvaguardando ao mesmo tempo a própria identidade cultural e espiritual.

Senhor Primeiro-Ministro, tenho a certeza de que a Eslovénia poderá oferecer este seu contributo de maneira eficaz, porque pode fazer referencia também aos valores cristãos, que constituem uma parte integrante da sua história e da sua cultura. Permaneça sempre fiel a estes valores!

3. Dirijo mais uma vez o meu pensamento afectuoso e a certeza da minha constante oração ao amado Povo esloveno, que visitei com grande alegria duas vezes. Deus o ajude a progredir constantemente pelo caminho do desenvolvimento e da paz. Deus abençoe a querida Eslovénia!

Com estes sentimentos, concedo de bom grado a Vossa Excelência e aos seus concidadãos a minha Bênção.

 

© Copyright 2004 - Libreria Editrice Vaticana


top