The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA AOS PEREGRINOS
VINDOS A ROMA PARA A SOLENE
CERIMÓNIA DE BEATIFICAÇÃO 

 Segunda-feira, 4 de Outubro de 2004

 

Caríssimos Irmãos e Irmãs

1. É-me grato encontrar-me novamente convosco, no dia seguinte à solene Liturgia de Beatificação. Desejamos voltar a reflectir em conjunto sobre a actualidade da mensagem e da espiritualidade destes cinco novos Beatos.

2. A vida dos Beatos Pedro Vigne e José Maria Cassant exorta-nos a voltar amorosamente para o Senhor Jesus, Cabeça da Igreja, presente no sacramento da Eucaristia. Ambos contemplaram prolongadamente este mistério no silêncio da oração e encontraram neste alimento espiritual o desejo de seguir Cristo e também a graça da conversão. Que o seu exemplo e a sua intercessão ajudem as comunidades cristãs de hoje a colocar a Eucaristia, fonte e ápice da vida da Igreja, no centro da sua existência. Que ela suscite o impulso missionário de que o mundo tem necessidade para ouvir a Boa Nova!

3. A existência da Madre Ludovida De Angelis foi consagrada à glória de Deus e ao serviço dos homens. Os longos anos passados no Hospital para crianças de La Plata centro que actualmente tem o seu nome tiveram como programa:  "Fazer o bem, sem olhar a quem". Nesta tarefa, ela interessou-se veementemente pela cura das crianças enfermas, trabalhando de modo competente com o pessoal no campo da saúde e como exemplar superiora da comunidade, em benefício das suas Irmãs. A sua vida foi um caminho incessante para a santidade, enquanto se apresenta à nossa consideração como intercessora e testemunha da caridade.

4. Em profunda união com o Salvador sofredor, a "Mística da região de Monastério" realizou a missão do Apóstolo, de completar aquilo que falta aos sofrimentos de Cristo pelo Corpo de Cristo, que é a Igreja (cf. Cl 1, 24). Por intercessão da Beata Ana Catarina, que o Senhor torne os vossos corações disponíveis  para  as  necessidades  interiores e exteriores do vosso próximo. O exemplo da Beata revigore em todos a virtude da paciência e o espírito de sacrifício!

Carlos da Áustria desejou cumprir sempre a vontade de Deus. A fé foi o critério da sua responsabilidade de governador e de pai de família. Na esteira do seu exemplo, que a fé em Deus determine também a orientação da vossa vida! Que a Beata vos acompanhe ao longo da vossa peregrinação rumo à Pátria celestial!

É-me grato saudar os Bispos e os Representantes das Autoridades civis, assim como os Irmãos Trapistas, as Irmãs do Santíssimo Sacramento e todos os peregrinos francófonos, presentes hoje de manhã. Que os novos Beatos vos ajudem sempre a dar graças a Deus!

Saúdo os Bispos, sacerdotes, fiéis e, com especial carinho, as Filhas de Nossa Senhora da Misericórdia, que participam nesta Audiência. Confio todos à intercessão dos novos Beatos.
Dirijo uma alegre saudação de fé aos Bispos, aos sacerdotes e aos religiosos, assim como aos numerosos fiéis provenientes dos países de língua alemã. Deus vos conserve na sua graça!

Caríssimos Irmãos e Irmãs! Invocando a intercessão celestial da Virgem Maria e dos novos Beatos, abençoo-vos de todo o coração, juntamente com as vossas Comunidades de proveniência e com quantos vos são queridos.

 

 

 

top