The Holy See
back up
Search
riga

DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II
AOS PARTICIPANTES NO SÍNODO INTEREPARQUIAL
DAS EPARQUIAS ÍTALO-ALABANESAS DA ITÁLIA

11 de Janeiro de 2005

 

Beatitude
Venerados Irmãos no Episcopado
e no Sacerdócio
Caríssimos Irmãos e Irmãs

1. Recebo-vos com alegria e saúdo-vos cordialmente. Saúdo em primeiro lugar o Prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais e agradeço-lhe as amáveis palavras com que me homenageou em nome de todos os presentes. Torno extensiva a minha saudação às Comunidades que aqui representais, e àqueles que participam no vosso Sínodo, que tem como tema: "Comunhão e anúncio do Evangelho".

Trata-se de um tema mais actual do que nunca para as vossas duas Eparquias e para o mosteiro exárquico de Grottaferrata. Herdeiros de um património espiritual conjunto, estas vossas realidades eclesiais são chamadas a dar testemunho da unidade da mesma fé em diferentes contextos sociais. Sob o ponto de vista pastoral, elas colaboram com as comunidades de tradição latina e revigoram cada vez mais a sua identidade, valorizando a sua bimilenária tradição bizantina.

2. Para favorecer tudo isto, o vosso Sínodo pôs em evidência alguns temas essenciais, como a catequese e a mistagogia, em vista de um adequado crescimento espiritual de todo o Povo de Deus. Além disso, promoveu percursos teológicos e ascéticos para a preparação do clero e dos membros dos Institutos de vida consagrada. De resto, para evitar uma transformação indevida da identidade espiritual que vos caracteriza, tendes a intenção de oferecer uma formação sólida, arraigada na tradição oriental e apta para corresponder de maneira eficaz aos desafios crescentes da secularização.

Mediante a Congregação para as Igrejas Orientais, a Santa Sé não deixará de oferecer a sua própria assistência a esta acção renovadora, enquanto nos textos do Concílio Vaticano II e no Código de Direito Canónico das Igrejas Orientais vos será possível encontrar pontos de referência úteis para corroborar estes vossos esforços.

3. No rito bizantino, os mirabilia Dei pela humanidade e, a este propósito, as Anáforas de São João Crisóstomo e de São Basílio, são de excelsa exemplaridade. As Orações Eucarísticas e a celebração dos outros Sacramentos, como toda a comemoração litúrgica e o Culto divino com a rica hinografia, constituem um poderoso veículo de catequese para o povo cristão.

Quase diariamente, vós celebrais a Divina Liturgia de São João Crisóstomo que, pela sua arte oratória e pelo seu conhecimento das Sagradas Escrituras, era conhecido como "Boca de Ouro". As suas palavras penetram também hoje nos ouvidos e no coração do homem. Portanto, vós justamente fazeis ressoá-las de modo compreensível nas línguas do nosso tempo.

4. Encorajo-vos a dar continuidade aos contactos, graças à tradição litúrgica conjunta, com as Igrejas ortodoxas, também elas desejosas de dar glória ao único Deus e Salvador. O Senhor Todo-Poderoso, que no Natal há pouco celebrado revelou a sua ternura divina na luminosa encarnação do Verbo, conceda a todos os fiéis em Cristo viver plenamente a unidade da mesma fé. Por isto rezo e peço ao Senhor que o vosso Sínodo contribua para favorecer um anúncio renovado do Evangelho em cada uma das vossas Comunidades, assim como um vigoroso impulso ecuménico.

Confio estes votos ardentes à Santíssima Mãe de Deus, enquanto vos concedo de todo o coração, a vós aqui presentes e às vossas Eparquias, uma especial Bênção Apostólica.

 

Copyright © Libreria Editrice Vaticana

top