The Holy See
back up
Search
riga

MENSAGEM DE SUA SANTIDADE
JOÃO PAULO II PARA A VIA-SACRA NO COLISEU

Sexta-Feira Santa, 25 de Março de 2005

 

Caríssimos Irmãos e Irmãs

Estou espiritualmente convosco no Coliseu, um lugar que evoca em mim muitas recordações e emoções, para celebrar o sugestivo rito da Via-Sacra nesta noite de Sexta-Feira Santa.

Uno-me a vós nesta invocação, tão densa de significado: "Adoramus te, Christe, et benedicimus tibi, quia per sanctam crucem tuam redemisti mundum". Sim, adoramos e abençoamos o mistério da cruz do Filho de Deus, porque é precisamente desta morte que brotou uma renovada esperança para a humanidade.

A adoração da Cruz remete-nos a um compromisso, ao qual não nos podemos subtrair: a missão que São Paulo expressava com as palavras "completo na minha carne o que falta às tribulações de Cristo, pelo seu Corpo, que é a Igreja" (Cl 1, 24). Também eu ofereço os meus sofrimentos, a fim de que o desígnio de Deus se realize e a sua palavra se difunda no meio dos povos. Estou também próximo daqueles que, neste momento, se sentem provados pelo sofrimento. Rezo por cada um deles.

Neste dia da memória de Cristo crucificado, juntamente convosco contemplo e adoro a Cruz, enquanto repito as palavras da liturgia: "O crux, ave spes unica!". Ave ó Cruz, única esperança, dá-nos paciência e coragem, e obtém a paz para o mundo!

É com estes sentimentos que vos abençoo, a vós e a quantos participam nesta Via-Sacra através da rádio ou da televisão.

Vaticano, 25 de Março de 2005.

JOÃO PAULO II

 

Copyright © Libreria Editrice Vaticana

top