The Holy See Search
back
riga

© PFARRKIRCHEN STIFTUNG ST. LAMBERT SEEON
Via Crucis, Felix Anton Scheffler - 1757
Igreja de S. Martinho - Ischl, Seeon (diocese de München) - Alemanha

SEXTA ESTAÇÃO
A Verónica limpa o rosto de Jesus

V/. Adoramus te, Christe, et benedicimus tibi.
R/. Quia per sanctam crucem tuam redemisti mundum.

Do livro do profeta Isaías 53, 2-3

C. Cresceu sem distinção nem beleza
que atraia o nosso olhar,
nem aspecto agradável que possa cativar-nos.
Desprezado e repelido pelos homens,
homem de dores, afeito ao sofrimento,
é como aquele a quem se volta a cara.

Do livro dos Salmos 42, 2-3

V. Como suspira o veado pelas correntes das águas,
assim minha alma suspira por Vós, Senhor.
Minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo,
quando irei contemplar o rosto de Deus?

 

MEDITAÇÃO

O rosto de Jesus está banhado de suor
irrigado de sangue
coberto de escarros insolentes.
Quem terá a coragem de se aproximar?

Uma mulher!

Uma mulher adianta-se
mantendo acesa a lâmpada da humanidade
… e enxuga o Rosto:
e revê o Rosto!

Quantas pessoas há hoje sem rosto!
Quantas pessoas são empurradas
para a margem da vida,
no exílio do abandono,
na indiferença que mata os indiferentes.

De facto, só está vivo quem arde de amor
e se inclina sobre Cristo que sofre
e espera em quem sofre: hoje!

Sim, hoje! Porque amanhã será demasiado tarde![1]



[1] Mt 25, 11-13.

ORAÇÃO

Senhor Jesus,
bastaria um passo
e o mundo poderia mudar!

Bastaria um passo
e, em família, voltaria a paz;
bastaria um passo
e o mendigo deixaria de estar só;
bastaria um passo
e o doente sentiria uma mão
que lhe aperta a mão
… para ambas se curarem.

Bastaria um passo
e os pobres poderiam sentar-se à mesa
afastando a tristeza da mesa dos egoístas
que não podem fazer festa sozinhos.

Senhor Jesus,
bastaria um passo!

Ajuda-nos a dá-lo,
porque estão a exaurir-se no mundo
todas as reservas da alegria

Ajuda-nos, Senhor!


Todos:

Pater noster, qui es in cælis;
sanctificetur nomen tuum;
adveniat regnum tuum;
fiat voluntas tua, sicut in cælo et in terra.
Panem nostrum cotidianum da nobis hodie;
et dimitte nobis debita nostra,
sicut et nos dimittimus debitoribus nostris;
et ne nos inducas in tentationem;
sed libera nos a malo.

Quis non posset contristari,
piam Matrem contemplari,
dolentem cum Filio?

© Copyright 2006 - Libreria Editrice Vaticana

top