The Holy See
back up
Search
riga

SAGRADA CONGREGAÇÃO PARA A DOUTRINA DA FÉ

DECLARAÇÃO*

 

Em Junho de 1980 a Santa Sé, por meio da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé, exprimiu parecer favorável ao pedido apresentado pelos Bispos dos Estados Unidos quanto a admitirem-se à plena comunhão com a Igreja Católica alguns membros do clero e do laicado pertencentes à Igreja Episcopaliana (Anglicana). A resposta da Santa Sé à iniciativa destes Episcopalianos inclui a possibilidade de uma “medida pastoral”, que permite àqueles que o desejam uma identidade comum conservando certos elementos da sua herança.

A entrada destas pessoas na Igreja Católica deve ser entendida como a “reconciliação dós indivíduos que desejam a plena comunhão católica”, segundo está previsto pelo Decreto sobre o Ecumenismo (n. 4) do Concílio Vaticano II.

Ao acolher entre o clero católico o dito clero episcopaliano casado, a Santa Sé explicou que a excepção à norma do celibato é concedida em favor desses indivíduos e não deve ser entendida como se implicasse mudança no pensamento da Igreja acerca do valor do celibato sacerdotal que permanece sendo a norma também para os futuros candidatos ao sacerdócio deste grupo.

De acordo com a Conferência Episcopal dos Estados Unidos, a Congregação para a Doutrina da Fé designou Sua Ex.cia Dom Bernard F. Law, Bispo de Springfield-Cape Girardeau, como Delegado Eclesiástico para a mencionada questão. Será sua tarefa elaborar propostas com elementos úteis para a sobredita “medida pastoral” que será submetida à aprovação da Santa Sé, tratar do seu cumprimento e examinar com a Congregação para a Doutrina da Fé as questões relativas à admissão do ex-clero episcopaliano ao Sacerdócio católico.

Roma, 31 de Março de 1981. 

 

 

* L’Osservatore Romano, Edição semanal, 12 de Abril de 1981, Pág. 2 (190).

 

top