The Holy See
back up
Search
riga

JOÃO PAULO II

ANGELUS

Domingo, 5 de Março de 2000

 

1. Antes de concluir esta solene Celebração eucarística, desejaria mais uma vez agradecer ao Senhor o edificante testemunho dado por estes nossos irmãos e irmãs na fé, que tive a alegria de proclamar Beatos.

O testemunho deles sirva de encorajamento para todos vós, queridos peregrinos, que viestes para os honrar. A vós dirijo uma afectuosa saudação e agradeço-vos a presença, formulando votos por que a vossa peregrinação jubilar e a passagem pela Porta Santa vos ajudem a seguir o Evangelho com profunda fidelidade, a exemplo das irmãs e dos irmãos elevados hoje à glória dos altares.
2. Volvemos agora o olhar à Rainha dos Mártires, que os novos Beatos veneraram com grande devoção. Maria nos ajude a viver intensamente o tempo quaresmal, que terá início na próxima quarta-feira com a imposição das Cinzas.

À Virgem Santíssima confio os inúmeros pedidos de oração que chegam de toda a parte. Em particular, o meu pensamento dirige-se para as populações de Moçambique, que estão a viver uma tragédia de proporções inauditas por causa das graves inundações que atingiram uma vasta parte do território. A solidariedade internacional nestes dias prodigalizou-se sem interrupção, mas ainda há muito a fazer. Encorajo todos a prosseguirem com generosidade na obra de socorro, para aliviar, de todo o modo possível, a situação dramática daqueles nossos irmãos.

Desejaria, além disso, recordar as vítimas do recente e trágico afundamento do navio espanhol "Zafir". Enquanto invoco a misericórdia do Senhor para quantos morreram, exprimo os votos por que se faça todo o possível para recuperar os corpos dos marinheiros dispersos e restituí-los às famílias para uma digna sepultura.

Saúdo cordialmente as pessoas de língua francesa aqui presentes esta manhã, em particular os peregrinos vietnamitas, vindos para a beatificação do catequista André, assim como os camaroneses residentes na Itália que celebram o seu Jubileu. A todos desejo que sejam fervorosas testemunhas de Cristo Salvador. Deus vos abençoe!

Saúdo os peregrinos de língua inglesa que participaram nesta Missa de beatificação, em particular aqueles que provêm das Filipinas e da Tailândia. Que o exemplo dos Beatos mártires revigore todos os cristãos no seu testemunho do Evangelho durante este ano jubilar e sempre. Sobre vós invoco a graça e a paz de nosso Senhor Jesus Cristo.

Saúdo também os numerosos peregrinos brasileiros. Hoje é dia de Acção de Graças, pois foram elevados às honras dos altares os Protomártires do Brasil. Que a intercessão dos Beatos André de Soveral, Ambrósio Francisco Ferro e suas Comunidades, vos animem a percorrer as verdadeiras sendas do heroísmo que leva à santidade.

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo!

Saúdo com afecto os peregrinos da Polónia e dos outros países do mundo, que vieram para a solenidade da beatificação da Irmã Maria Stella Mardosewicz e das suas dez Coirmãs da Congregação das Irmãs da Sagrada Família de Nazaré, de Nowogródek. A intercessão das novas Beatas mártires possa trazer a todos as múltiplas graças e a bênção de Deus.

 

 

 © Copyright 2000 - Libreria Editrice Vaticana

 

top