The Holy See
back up
Search
riga

MENSAGEM DO PAPA JOÃO PAULO II
AOS JOVENS DA FEDERAÇÃO RUSSA
REUNIDOS EM IRKUTSK EM PREPARAÇÃO PARA
A XX JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE
 

 

Caríssimos jovens

1. É com grande alegria que dirijo a minha saudação a vós, que vos reunistes não sem sacrifício em Irkutsk, oriundos de toda a Federação Russa, para participar no encontro promovido pelos vossos Bispos, em preparação para a XX Jornada Mundial da Juventude, a realizar-se em Colónia, na Alemanha, no mês de Agosto do próximo ano. Saúdo cada um de vós com afecto. Esta reunião constitui um momento importante para a Igreja que vive na Federação Russa, uma Igreja que no passado conheceu muitas tribulações, foi perseguida e martirizada, não raro até à efusão do sangue, mas que perseverou na adesão a Cristo, único Senhor, e na confissão das verdades perenes da fé. Nesta confissão, encontraram-se lado a lado católicos, ortodoxos e protestantes. O seu testemunho tornou-se para nós um património comum. "Isto não poderá deixar de ter uma dimensão e uma eloquência ecuménicas. O ecumenismo dos santos, dos mártires, é talvez o mais persuasivo. A communio sanctorum fala com voz mais alta que os factores de divisão" (Carta Apostólica Tertio millennio adveniente, 37). Por conseguinte, é natural que a Igreja tenha uma grande esperança em vós, queridos jovens e, com confiança, espere do vosso entusiasmo e do vigor da vossa juventude uma nova linfa para a sua missão.

É por este motivo que ela se coloca à escuta das exigências fundamentais que habitam o vosso coração, das interrogações acerca do sentido a dar à vida. Fëdor Dostoievski escreveu:  "O homem é um mistério. Um mistério que é necessário resolver, e se tu passares a tua vida inteira procurando resolvê-lo, eu não diria que perdeste tempo; eu estudo este mistério, porque desejo ser um homem" (Carta ao irmão Michail, 16 de Agosto de 1839). Estimados jovens, o verdadeiro sentido da existência encontra-se na adesão a Jesus, "Caminho, Verdade e Vida" (Jo 14, 6). Só Ele tem palavras que dão vida, chamam à existência, mostram o caminho, confortam os  corações desiludidos, infundindo uma nova esperança. "Somente no mistério do Verbo encarnado ensina o Concílio Vaticano II é que se elucida verdadeiramente o mistério do homem" (Constituição pastoral Gaudium et spes, 22).

2. "Queremos ver Jesus" (Jo 12, 21):  foi o tema da recente Jornada Mundial da Juventude, que assinalou a última etapa antes do grande encontro de Colónia. Neste pedido, que alguns gregos apresentaram ao Apóstolo Filipe, ressoa também o brado não expresso e, na maioria das vezes, inconsciente de muitos dos vossos coetâneos, que "pedem aos crentes de hoje não só que lhes "falem" de Cristo, mas também que de certa forma lho façam "ver". E não é porventura a missão da Igreja reflectir a luz de Cristo em cada época da história e, por conseguinte, fazer resplandecer o seu rosto também diante das gerações do novo milénio?" (Carta Apostólica Novo millennio ineunte, 16). Portanto, é urgente mostrar o rosto de Cristo que vive na sua Igreja, indicando nele o único caminho que conduz para a verdade sobre o homem e para a sua felicidade integral.

O tesouro inestimável da tradição cristã, enriquecido pelo sangue dos mártires, deve ser conservado e proposto de novo com coerência corajosa. Prezados jovens, deveis resistir à tentação, hoje em dia tão subtil e letal, de deixar Deus fora da vossa vida ou de reduzir a fé a gestos ocasionais e formais. A Igreja tem necessidade de testemunhas que estejam prontas a seguir Cristo até à Cruz. É esta fidelidade radical ao Evangelho que esperam, hoje mais do que nunca, os vossos coetâneos, muitas vezes distraídos pelas miragens de uma vida fácil e cómoda, pelas tentações da droga e do hedonismo, não raro terminando por se tornarem escravos da violência, do contra-senso e do desespero. Não permitais que a liberdade reconquistada nesta vossa querida Nação, à custa de grandes sacrifícios e sofrimentos, seja dissipada pela condescendência a falsos ideais. Cristo é a nossa verdadeira liberdade, dado que nos libertou definitivamente da escravidão do pecado. É somente nele que o nosso coração encontra sentido e paz.

3. O Pai celestial enviou o seu Filho para junto de nós, porque deseja a salvação de cada homem, e vós podeis ser no mundo e para o mundo o rosto deste seu amor misericordioso.

Eis em que consiste o vosso compromisso quotidiano! Esta é a finalidade constante, que podereis buscar também graças aos programas e às iniciativas que os vossos Pastores vos propõem para responder aos desafios sociais, culturais e espirituais deste nosso tempo. Uni-vos aos jovens cristãos do mundo inteiro, na peregrinação ideal rumo a Colónia, para viverdes em conjunto a XX Jornada Mundial da Juventude. Convido-vos desde já, cordialmente, a não faltar a este grandioso encontro eclesial.

Confio-vos à Virgem Maria, Mãe de Cristo e da Igreja. O Papa, os vossos Bispos e toda a comunidade cristã contam convosco!

Com estes sentimentos, tenho a alegria de vos conceder a minha Bênção que, de bom grado, faço extensiva aos vossos Pastores e às vossas respectivas famílias.

Vaticano, 26 de Julho de 2004.

 

PAPA JOÃO PAULO II

 

© Copyright 2004 - Libreria Editrice Vaticana

 

top